Centros Klépierre partilham Boas Práticas que inspiram a um Ambiente e Comunidades mais Amigas do Planeta

0
40
KlepierreDesperdicio

Até 28 de novembro celebra-se a Semana Europeia de Prevenção de Resíduos da LIPOR, e os centros Klépierre candidataram-se a esta iniciativa com o seu projeto de Combate ao Desperdício Alimentar, no âmbito do programa Act4Good, para relembrar a comunidade da importância da redução do desperdício, entre outros problemas ambientais e respetivas soluções.

Têm sido anos de grandes desafios a que o Parque Nascente, Aqua Portimão e Espaço Guimarães respondem com ações enérgicas. O bem-estar ambiental, local e social das comunidades em que se inserem o Parque Nascente, Espaço Guimarães e Aqua Portimão está enraizado no ADN da Klépierre em Portugal. Através do Programa Act4Good, os três centros comerciais têm conseguido desenvolver várias iniciativas de impacto positivo que permitiram promover a economia circular, colocar em prática ações em prol da sustentabilidade do planeta e lançar o desafio à sua comunidade de falar e agir para o bem comum.

No âmbito da Semana Europeia de Prevenção de Resíduos da LIPOR, a Klépierre candidatou uma das suas mais recentes e impactantes iniciativas. O Projeto de Combate ao Desperdício iniciou-se em julho de 2021 e, desde então, o Espaço Guimarães, Parque Nascente e Aqua Portimão disponibilizam gratuitamente caixas de take-away nos seus espaços de restauração, para que os seus visitantes possam levar para casa as sobras, evitando o desperdício alimentar. Em apenas 3 meses, no Parque Nascente foram poupados 120 Kg de comida, no Espaço Guimarães 40Kg e no Aqua Portimão 75Kg, formando um total de 235 Kg de comida que não foi desperdiçada.

De forma coletiva, estas são as iniciativas que marcam:

· Em 2019, cada centro compensou 100% das suas emissões de carbono, diretas e indiretas, associadas à produção de energia elétrica consumida, provenientes do consumo da energético. O programa contínuo de compensação de emissões surge em prole do combate às alterações climáticas e com a iniciativa ambientalista, o centro comercial apoiou o grupo Terra Prima no projeto nacional “Pastagens Semeadas Biodiversas”, através do valor total compensado.

· Desde 2018 que, anualmente, os três centros promovem a economia circular através dos Blogger’s Open Closet. Até ao momento, foram realizadas seis edições de sucesso onde os consumidores puderam adquirir peças de roupa, calçado e acessórios das suas influenciadoras digitais e famosas preferidas. O Parque Nascente promoveu ainda duas edições do Flea Market, um conhecido mercado de produtos em segunda mão – desde artigos de roupa, casa, tecnologia, e muito mais – da área do Porto. Este tipo de comércio é cada vez mais comum, por ser bom para a carteira e para o ambiente.

· Desde 2017, celebram a Hora do Planeta, um movimento global que une milhões de pessoas em redor do mundo para mostrar o seu compromisso com o planeta, apagando simbolicamente as suas luzes. Entre as 20h30 e as 21h30, as luzes das fachadas são desligadas alertando para a necessidade de fazer um consumo de energia inteligente.

De forma individual, cada um dos centros tem vindo a desenvolver outras iniciativas para a redução da pegada ambiental. Estas são algumas das mais recentes:

Parque Nascente

· Em 2019, compensou 100% das suas emissões de carbono, diretas e indiretas, associadas à produção de energia elétrica consumida, provenientes do consumo da energético. O programa contínuo de compensação de emissões surge em prole do combate às alterações climáticas e com a iniciativa ambientalista, o centro comercial apoiou o grupo Terra Prima no projeto nacional “Pastagens Semeadas Biodiversas”, através do valor total compensado.

· Em parceria com os profissionais do Município de Gondomar e da LIPOR, empresa que presta um serviço intermunicipalizado de gestão de resíduos do Grande Porto, foi feita uma ação de sensibilização junto dos lojistas, segundo a qual foram realizadas visitas às várias lojas e restaurantes de forma a identificar os corretos processos de separação e gestão de resíduos, assim como proporcionar a partilha de boas práticas de modo a melhorar o desempenho ambiental das unidades de negócios que mais resíduos geram.

· De forma permanente, disponibiliza aos seus clientes um hotspot para trotinetes de forma a promover a mobilidade verde.

Espaço Guimarães

· Este ano, instalou um outdoor que purifica o ar numa das avenidas mais movimentadas da cidade. O outdoor possui tratamento com dióxido de titânio que, ao receber a luz solar, ativa um processo de fotocatálise que permite desintegrar até 85% dos poluentes da atmosfera. Foi então possível contribuir para a redução do efeito estufa, eliminando gases como dióxido de nitrogênio (NO2), dióxido de enxofre e outros compostos orgânicos voláteis.

· Colocação de novos recipientes para pontas de cigarro (os eco-pontas) e chicletes (os papa chicletes). Os recipientes possuem imagem interativa para incentivar os clientes a não atirarem esses materiais no chão, reduzindo a poluição ambiental.

· De forma permanente, existe um estacionamento para bicicletas e trotinetes onde é ainda possível carregar as bicicletas e trotinetes elétricas, incentivando assim o uso da mobilidade elétrica e sustentável.

· Apoio à comunidade local, através da criação de pontos gratuitos para pequenos produtores, artesãos e comerciantes venderem seus produtos e como ponto de encontro para entregar os produtos aos seus clientes. Assim, qualquer pessoa pode levantar as suas compras, já pagas diretamente aos pequenos produtores, comerciantes e artesãos locais, quer através do respetivo site ou por outros meios, poupando-lhes vários custos associados à logística de entrega das encomendas.

Aqua Portimão

· De forma permanente, disponibiliza a todos os clientes, um espaço de estacionamento para trotinetas e bicicletas, bem como lugares de carregamento para viaturas elétricas (carros e motas) promovendo assim, mais deslocações amigas do ambiente.

· Em parceria com a Auchan do centro comercial, apoia a comunidade local, através da criação de pontos gratuitos para pequenos produtores, artesãos e comerciantes venderem os seus produtos e como ponto de encontro para entregar os produtos aos seus clientes. Assim, qualquer pessoa pode levantar as suas compras, já pagas diretamente aos pequenos produtores, comerciantes e artesãos locais, quer através do respetivo site ou por outros meios, poupando-lhes vários custos associados à logística de entrega das encomendas.

· Em dois anos entregou 11 500 cinzeiros portáteis nas ativações que promove nas praias locais. Esta sensibilização permite uma maior consciencialização dos veraneantes para uma praia mais limpa de beatas e cinzas, bem como um areal de maior qualidade para todos.

· Em 2020 deram palco ao projeto da Auchan “Quando do velho se faz novo, todos ganham!” que ainda perdura com sucesso. Os consumidores são incentivados a reciclar as suas garrafas de plástico na máquina propria que, por cada garrafa recebida, doa um valor a instituições de solidariedade social locais.

Mais do que um lugar de compras, os centros Klépierre são agentes promotores da mudança junto das suas comunidades ao dinamizarem iniciativas que visam o combate ao desperdício, a melhorias das práticas de gestão de resíduos, soluções ambientais de impacto reduzido e fonte de ação para a melhoria do bem-estar ambiente e social.

Companhia SoluçõesKlepierreDesperdicio

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui