Silves | Comunicado: Incorporação de Saldo da Conta de Gerência de 2021 e Revisão Orçamental

0
73
SilvesComunicado

Perante a gravidade e impacto das deliberações tomadas na sessão da Assembleia Municipal de Silves, realizada em 9 de março do corrente, com inegável prejuízo para o normal funcionamento da atividade autárquica, os interesses da população e o desenvolvimento do concelho de Silves, não pode o Executivo Permanente da Câmara Municipal de Silves deixar de dar nota pública do ocorrido.

Com efeito, não é entendível a reprovação da proposta de incorporação do Saldo da Conta de Gerência de 2021 (18,3 milhões de euros) e de Revisão Orçamental, que foi aprovada por unanimidade, em 14 de fevereiro do corrente, por todas as forças políticas representadas na Câmara Municipal de Silves.

Não é compreensível, senão mesmo incoerente, que as mesmas forças políticas (PSD e PS) tomem decisões opostas sobre o mesmo assunto, na Câmara Municipal e na Assembleia Municipal.

A reprovação da proposta de Revisão Orçamental bloqueia o lançamento de obras e a assunção de compromissos financeiros, como, por exemplo, a repavimentação da estrada Estação de Silves/Lagoa, a repavimentação da Estrada de Montes Grandes (Silves), a requalificação da Rua das Telecomunicações e envolvente (S.B. de Messines), a ampliação da rede de abastecimento de água a Vale Figueira (S.B. Messines), a requalificação da Rua D. João II (Armação de Pêra), a pavimentação de caminho na Lagoa do Poço da Figueira (Tunes), a repavimentação da estrada de Benafátima/Nave Redonda (S. Marcos da Serra), mas também o reforço do apoio às Corporações de Bombeiros, a execução da candidatura ao Plano Regional de Eficiência Hídrica, a aquisição de prédios e terrenos, a realização da Feira Medieval e a assunção de despesas com pessoal.

A proposta de revisão orçamental contemplava ainda, obviamente, os valores negociados com as Freguesias e Uniões de Freguesias em sede de procedimento de transferência de competências no domínio da limpeza urbana, nomeadamente os valores necessários para a aquisição de viaturas para as Uniões de Freguesias de Alcantarilha e Pêra e Algoz e Tunes e para a Freguesia de Armação de Pêra (150 mil euros).

O Executivo Permanente da Câmara Municipal de Silves fará tudo o que estiver ao seu alcance para que impere o discernimento, o bom senso e a razoabilidade no seio das forças políticas da oposição, dando primazia à boa gestão autárquica, à satisfação dos anseios da população e à credibilidade da atividade política, não obstante todos os constrangimentos colocados sem fundamento plausível.

GRP do Mun SilvesSilvesComunicado

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui