AHRESP lamenta a aprovação da suspensão de registos de Alojamento Local em 14 freguesias de Lisboa

0
132
AHRESPLogo

Foi aprovada em Assembleia Municipal de Lisboa a suspensão de novos registos de estabelecimentos de Alojamento Local por um prazo de 6 meses, sem prejuízo de nova renovação por igual período, até à entrada em vigor da alteração do Regulamento Municipal de Alojamento Local, nas freguesias onde o rácio AL/habitação permanente é igual ou superior a 2,5%, sem prejuízo das zonas de contenção onde esta proibição já vigora. A suspensão de registos passa assim a aplicar-se às freguesias de Ajuda, Alcântara, Areeiro, Arroios, Avenidas Novas, Belém, Campo de Ourique, Estrela, Misericórdia, Parque das Nações, Penha de França, Santa Maria Maior, Santo António e São Vicente. 

A AHRESP lamenta esta decisão, que irá ter um impacto negativo, nomeadamente ao nível das dinâmicas do turismo e dos ganhos que geram, direta e indiretamente, assim como ao nível das dinâmicas de regeneração dos imóveis da cidade que, como sabemos, muito devem a esta atividade.

E ainda

  • Primeiro-Ministro já entregou ao Presidente da República estrutura do XXIII Governo
  • AHRESP Aveiro assina protocolo com IEFP Aveiro
  • Sessão de esclarecimento conjunta AHRESP e ASAE na Mealhada
  • Seminário “Pastelaria e Padaria: uma reflexão para uma oferta mais saudável” na Tecnipão
  • Workshops Melhores Empresários, Melhores Negócios 
  • Workshop Hotel 4.0 em Évora no dia 5 de Abril
  • Governo cria Programa de Apoio ao Alojamento Urgente 
  • Linha de Apoio à Tesouraria do Turismo de Portugal: pedido de prémio de desempenho pode ser submetido até 31 de março

Veja o Boletim Diário: Aqui

AHRESPAHRESPLogo