CREPC Algarve | Ponto Situação Semanal de 8 de Julho de 2022

0
164
Proteção-Civil

1 – DECLARAÇÕES E PLANOS

Declaração de Situação de Alerta, em todo o território nacional continental, em vigor desde as 00:00 horas do dia 19 de fevereiro de 2022, até às 23:59 horas do dia 31 de julho de 2022.

Planos – PEPC Algarve ativado desde 01 de dezembro de 2021

Mantêm-se ativos todos os Planos Municipais de Emergência de Proteção Civil (PMEPC) do Algarve – Situação Epidemiológica COVID-19, desde 01 dezembro de 2021.
Mantêm-se ativos o PONCoV e o PORCoV da ANEPC.

PNEPC – Plano Nacional de Emergência de Proteção Civil // PEPC – Plano de Emergência de Proteção Civil do Algarve // PMEPC – Plano Municipal de Emergência de Proteção Civil // PONCoV – Plano de Operações Nacional para o Coronavírus (COVID – 19) // PORCoV – Plano de Operações Regional para o Coronavírus (COVID – 19).

2 – APOIO AOS AGENTES DE PROTEÇÃO CIVIL

a) BASES DE APOIO LOGÍSTICO – MEIOS DE REFORÇO

Estão preparadas na Região do Algarve 16 (dezasseis) Bases para receber meios de reforço externo.

3 – APOIO À POPULAÇÃO
a) ZONAS DE APOIO À POPULAÇÃO (ZAP)

Estão preparados na Região do Algarve 21 (vinte e um) locais para instalar ZAP para alojamento de emergência de pessoas em isolamento obrigatório ou profilático, com uma capacidade total para albergar 737 pessoas.

4 – APOIO ÀS UNIDADES DE SAÚDE PÚBLICA
a) NÚCLEOS DE APOIO ÀS UNIDADES DE SAÚDE PÚBLICA ATIVADOS
– ACES Sotavento: Alcoutim e Tavira encontram-se a operar. Os NAS dos Postos de Comando Municipal (PCMun) de VRSA e de Castro Marim foram desativados.
– ACES Central: Os NAS dos PCMun de Faro, Loulé, Olhão e S. Brás de Alportel foram desativados. Mantem-se o NAS do PCMun de Albufeira,
– ACES Barlavento: Todos os NAS encontram-se desativados. Contudo, as equipas dos PCMun (SMPC) asseguram esporadicamente as tarefas em momentos de maior pressão.

b) ATIVIDADES DE APOIO REALIZADAS

  1. APOIO À VACINAÇÃO
    a) CENTROS DE VACINAÇÃO (CV) ATIVADOS (PELAS ESTRUTURAS MUNICIPAIS DE PROTEÇÃO CIVIL)

Encontram-se ainda instalados pelas estruturas municipais de proteção civil e são sustentados logisticamente 06 centros de vacinação comunitários com capacidade para inocular 2.430 utentes/dia, externos às unidades do Serviço Nacional de Saúde (SNS), a pedido da ARS do Algarve, com o apoio dos Agentes de Proteção Civil, em especial dos Corpos de Bombeiros da região.
Nos restantes municípios, nomeadamente: Alcoutim, Aljezur, Castro Marim, Monchique, Olhão, Portimão, São Brás de Alportel, Silves, Vila do Bispo e Vila Real de Santo António, em que a vacinação ocorre nos respetivos Centros de Saúde, as autarquias que materializam o patamar municipal da proteção civil estão a apoiar o funcionamento, afetando meios e recursos, de acordo com as necessidades especificas em cada localidade.

  1. AÇÕES DESENVOLVIDAS
    a) AÇÕES DE FORMAÇÃO E SENSIBILIZAÇÃO
    Os Serviços Municipais de Proteção Civil, em parceria com a Autoridades de Saúde e Segurança Social,
    devidamente adaptadas à realidade territorial de cada concelho, com o apoio dos diversos Agentes de Proteção Civil e demais
    Entidades Cooperantes, continuam a desenvolver ações de sensibilização e formação.
    b) TRANSPORTES

Foram realizados, através de meios próprios dos Corpos de Bombeiros e/ou SMPC da Região, 5 transportes de vacinas em apoio ao Serviço Nacional de Saúde, e 2 transporte de caso de COVID-19 suspeito.

  1. SITUAÇÃO EPIDEMIOLÓGICA NA REGIÃO
    (dados até às 24:00 horas do dia 30 de junho de 2022)
  1. OUTROS
    – Todos os pedidos colocados ao sistema de emergência e proteção civil, quer no nível regional, quer no nível municipal, foram satisfeitos em tempo útil.

ANEPC

ProtecaoCivil