PepsiCo alia-se à Iberdrola para impulsionar Eletricidade Verde

0
342
PepsiCo-Iberdrola
  • A energia limpa terá origem na central fotovoltaica de Francisco Pizarro que a Iberdrola está a construir em Cáceres (Estremadura)
  • A iniciativa garante o fornecimento de eletricidade renovável para 11 fábricas, instalações e centros de logística e distribuição da multinacional de bebidas

A Iberdrola e a PepsiCo uniram esforços nos seus compromissos para a transição energética e sustentabilidade com a assinatura de um acordo de aquisição de energia a longo prazo (PPA, Power Purchase Agreement), através do qual a empresa de eletricidade fornecerá eletricidade 100% renovável a todos os centros de Espanha e Portugal da multinacional de bebidas e alimentos.  Entrará em vigor a 1 de janeiro de 2023.

Em concreto, a Iberdrola fornecerá 11 instalações da PepsiCo com energia verde. Entre elas, as unidades produtivas em Espanha (bebidas em Álava, snacks em Burgos e gaspacho Alvalle em Múrcia), e outro de snacks no Carregado (Portugal). Também estão incluídos no acordo os dois grandes centros logísticos de Burgos e Valência, bem como as delegações comerciais em Vitória, Pamplona, Palma de Maiorca e os escritórios em Vitória e Barcelona.  Este acordo terá efeitos a partir de 2023.

A energia renovável será produzida na central fotovoltaica Francisco Pizarro que a Iberdrola está a desenvolver entre os municípios da Estremadura de Torrecillas de la Tiesa e Aldeacentenera, em Cáceres. A instalação, que em breve entrará em funcionamento, impedirá a emissão para a atmosfera de mais de 150.000 toneladas de CO2 por ano. Com 590 megawatts (MW) de capacidade instalada, a unidade passará a ser a maior central fotovoltaica da Europa e gerará o equivalente à energia necessária para abastecer 334.000 casas por ano.

Este projeto insere-se na ambiciosa estratégia de investimento da Iberdrola em projetos de produção de energia renovável, bem como a sua aposta em contratos bilaterais, como forma de promover o fornecimento de energia a preços competitivos e estáveis entre os grandes clientes, empenhados na descarbonização.

“Orgulhamo-nos de contribuir para o desenvolvimento de projetos como este, que estão a transformar o presente e o futuro energético do nosso país e que estão totalmente alinhados com o nosso objetivo de atingir zero emissões líquidas até 2040”, destaca Marta Puyuelo, Diretora de Assuntos Corporativos e Sustentabilidade da PepsiCo no Sudoeste da Europa. E acrescenta: “Esta é uma das muitas iniciativas que estamos a empreender no âmbito da PepsiCo Positive, a transformação integral da nossa empresa com a sustentabilidade no centro.”

Por seu lado, Sergio Hernández de Deza, Diretor de Grandes Clientes e Soluções Industriais da Iberdrola, salientou que “os acordos de compra de energia verde a longo prazo abrem muitas oportunidades para o desenvolvimento de projetos renováveis que aceleram a transição energética para reduzir a dependência dos combustíveis fósseis. As PPA’s tornaram-se uma ferramenta ideal para a gestão do fornecimento de eletricidade de grandes consumidores que partilham o nosso compromisso com um novo modelo económico mais limpo e sustentável.”

Esta aliança contribui para a promoção de investimentos sustentáveis em Espanha e Portugal pela mão de duas empresas líderes no seu setor.

PepsiCo Positive para uma cadeia de valor positiva e sem emissões

A PepsiCo está empenhada em redobrar os seus esforços para atingir o objetivo de reduzir as emissões de gases com efeito de estufa (GEE) em mais de 40% até 2030 e atingir zero emissões líquidas até 2040, uma década antes do estabelecido no Acordo de Paris.

Especificamente, a PepsiCo planeia reduzir as emissões de GEE nas suas operações diretas (âmbito 1 e 2) em 75%, e nas suas operações indiretas (âmbito 3), em 40% até 2030. Em conjunto, espera-se que esta ação contribua para reduzir as emissões de GEE em mais de 26 milhões de toneladas, o equivalente à remoção de mais de cinco milhões de automóveis das estradas durante um ano.

Esta iniciativa enquadra-se na PepsiCo Positive, a nova estratégia com a sustentabilidade no centro através da qual a empresa está a acelerar a sua transformação para promover um impacto positivo tanto no planeta como nas pessoas.  pep+ impulsiona a ação e o progresso em três pilares fundamentais do seu negócio: agricultura, cadeia de valor e marcas positivas.  

Iberdrola com energia verde como base para uma economia sustentável

Há mais de 20 anos, a Iberdrola comprometeu-se com uma estratégia de crescimento sustentável baseada na eletrificação. A empresa planeia investir 150 milhões de euros até 2030 em energias renováveis, redes de eletricidade e armazenamento de energia para se manter na vanguarda da revolução energética.

Este compromisso pioneiro permitiu ao grupo Iberdrola tornar-se líder mundial em energia, com mais de 38.300 GREEN MW instalados.

A empresa pretende atingir a neutralidade carbónica até 2050 e reduzir a sua intensidade global de emissões para 50 gCO2/kWh até 2030, tendo já atingido uma intensidade de emissões de 60gCO2/kWh na Europa, graças ao seu compromisso com a transição energética e o Acordo de Paris.

Atrevia

PepsiCo-Iberdrola