ArQuente | Ciclo de Concertos ao Entardecer 2022

0
655
Entardecer-2022-Concerto

O Ciclo de Concertos ao Entardecer, organizado pela ArQuente, está de regresso, durante três fins de semana seguidos, com mais uma boa dose de música alternativa/indie pop.

Os concertos acontecem às sextas-feiras, às 18h30, no Largo da Igreja, na Ilha da Culatra, aos sábados, às 19h00, na Galeria Arco, em Faro, e aos domingos, às 18h00, na Fortaleza de Sagres, estes últimos através do apoio do programa DiVaM, da Direção Regional de Cultura do Algarve.

A primeira convidada, da edição de 2022, é Bia Maria, que se apresenta nos dias 09, 10 e 11 de setembro. Beatriz Pereira, nascida e criada em Ourém, é padroeira do ato de “escreviver”. Num precipício entre Beatriz e Maria, a sua caneta vem desfolhar um diário de cores, texturas e dissabores. Convoca melodias com origem no fado, na pop, na bossa nova e no canto popular, para as condensar numa sonoridade que tanto tem de terra-a-terra como de sonhadora. Depois de Mal Me Queres, Bem Te Quero e Tradição, regressa à sua primeira casa musical, o piano, para o terceiro EP ‘Do Roberto’.

O fim de semana seguinte (16, 17 e 18 de setembro) pertence aos Bandua, um projeto colaborativo entre Tempura the Purple Boy e Edgar Valente. Bandua agarra no cancioneiro popular da região da Beira Baixa e encara-o com uma reinterpretação folk eletrónica à moda do downtempo berlinense. Concebido pelo músico e produtor luso-brasileiro Tempura the Purple Boy e com a participação do cantor e músico português Edgar Valente, Bandua representa a primeira vez em que estas sonoridades, poemas e canções são transformadas num disco melancólico pop eletrônico de língua portuguesa.   

O encerramento do ciclo de concertos deste ano está a cargo do cantautor algarvio Mateus Verde, que tem concertos ao entardecer nos dias 23, 24 e 25 de setembro.

Com a voz, acompanhada pela guitarra elétrica, Mateus Verde, cria música contemplativa e intimista inspirada na natureza e nos seus mistérios.
Os seus temas vão desde um ambiente “Folk” a paisagens atmosféricas e sonhadoras explorando sempre um imaginário misterioso e por vezes esotérico.
Lançou o seu primeiro EP “Esteva” no final de 2016 e o seu primeiro álbum “Feiticeira” no Verão de 2020.

Os Concertos ao Entardecer têm o apoio da Câmara Municipal de Faro, da União de Freguesias de Faro e da Direção Regional de Cultura do Algarve, através do programa DiVaM – Divulgação e Valorização dos Monumentos. Para além disso conta com a parceria da Associação de Moradores da Ilha da Culatra e o apoio do restaurante Tertúlia Algarvia e da seguradora João Marques Seguros.

Como parceiros de comunicação a ArQuente e os Concertos ao Entardecer contam com o Sul Informação, a RUA FM – Rádio Universitária do Algarve, o projeto Cultugarve e a ConecTV.

Bilhetes | Reservas | Informações: [email protected]

Datas, Horários e Locais dos Concertos:

BIA MARIA

09 setembro (18h30) – Ilha da Culatra

10 setembro (19h00) – Galeria Arco, Faro
11 setembro (18h00) – Fortaleza de Sagres

BANDUA

16 setembro (18h30) – Ilha da Culatra 

17 setembro (19h00) – Galeria Arco, Faro 
18 setembro (18h00) – Fortaleza de Sagres 

MATEUS VERDE

23 setembro (18h30) – Ilha da Culatra
24 setembro (19h00) – Galeria Arco, Faro
25 setembro (18h00) – Fortaleza de Sagres

ArQuente