#EYY2022 | Ano Europeu da Juventude – Dia Mundial da Saúde Mental

0
171
Ano-EU-Juventude-2022

A pandemia da COVID-19 teve um impacto sem precedentes na saúde mental dos jovens. No Dia Mundial da Saúde Mental, um novo relatório da UE analisa como os países europeus enfrentaram os desafios colocados pela pandemia ao bem-estar mental e emocional dos jovens. A investigação faz parte dos esforços da Comissão Europeia para melhorar o bem-estar mental e reduzir o estigma das questões de saúde mental.

Os países europeus adotaram uma abordagem proativa para fazer face aos desafios de saúde mental dos jovens durante a pandemia. Uma das medidas mais comuns foi o reforço do apoio psicológico nas escolas, tanto pelo aumento do número de psicólogos e conselheiros disponíveis para os estudantes, como pela formação de pessoal escolar para reconhecer e lidar com sinais de distúrbios mentais.

Os resultados são de um novo estudo produzido pela Youth Wiki, que comprovou que mais de 40% dos jovens europeus tiveram dificuldades para lidar com as medidas dos sucessivos confinamentos resultantes da pandemia de COVID-19. O mesmo estudo revela também que os jovens europeus que já possuíam problemas emocionais e mentais tiveram a sua situação agravada, devido ao sentido de isolamento e restrições à mobilidade provocadas por estas medidas.

A Comissária para a Inovação, Investigação, Cultura, Educação e Juventude, Mariya Gabriel, referiu: “Todos nos preocupamos profundamente com o bem-estar emocional dos nossos jovens. Após uma pandemia e com uma guerra em solo europeu, este relatório sobre a saúde mental dos jovens chega no momento certo. Estou muito satisfeita por ver que os Estados-Membros da UE estão a levar este desafio a sério e que estabeleceram medidas para apoiar os jovens, especialmente nas escolas. Estes esforços têm de continuar para permitir que os jovens prosperem, agora e nos próximos anos, e a Comissão estará sempre aqui para prestar apoio.”

Em Portugal, a saúde mental é vindo a ser um assunto cada vez mais destacado. Um estudo recente revelado pela Escola Superior de Enfermagem de Coimbra realizado em mais de 150 escolas de norte a sul do País concluiu que 42% dos jovens têm sintomas de depressão.

Para endereçar este problema, e no âmbito do Ano Europeu da Juventude, o Instituto Português do Desporto e da Juventude (IPDJ) está a realizar diversas iniciativas para alertar os jovens para um tema sempre atual, nomeadamente através da realização dos «Dias Abertos» do programa Cuida-te +, em diversos pontos do país, com diversas iniciativas dirigidas a jovens alusivas à promoção da saúde mental (tertúlias, debates, jogos interativos, estações de informação e sensibilização, recolha de contributos, entre outras)., e também conferências sobre dependências online ou o projecto Connect Yourself, que pretende capacitar os jovens para a sua autonomia e participação pro-ativa e informada, contribuindo deste modo para um equilíbrio e organização nas prioridades da sua vida.

Em paralelo com os esforços de Estados-Membros como Portugal, a Comissão Europeia designou 2022 como o Ano Europeu da Juventude em reconhecimento dos sacrifícios que os jovens fizeram durante a pandemia da COVID-19. Um estudo Eurobarómetro Flash de maio de 2022 mostra que os jovens em 16 dos 27 Estados-Membros consideram a melhoria da saúde mental e física e do bem-estar dos jovens a prioridade mais importante para o Ano Europeu da Juventude.

Enquanto futuros líderes europeus, a Comissão Europeia incentiva os jovens a contribuir para a formação da UE. Através de uma Plataforma de Voz dedicada, a Comissão Europeia ouve os jovens e pede-lhes que partilhem as suas opiniões, preocupações e ideias. De todas as vozes registadas na categoria “Saúde, bem-estar e desporto”, um terço dos jovens está a utilizar a plataforma para solicitar um aumento da consciencialização quanto à saúde mental e ao acesso comportável aos profissionais de saúde mental.

Mais informação em Ano Europeu da Juventude 2022 e O que é o Ano Europeu da Juventude? | Portal Europeu da Juventude (europa.eu)

Dê voz à sua visão na Plataforma de Voz da Comissão Europeia.

Atrevia

Ano-EU-Juventude-2022