Ironhack | Candidaturas abertas para os bootcamps de Programação e Análise de Dados

0
119
Ironhack-Programação-1
  • Cursos intensivos de Web Development e Análise de Dados da escola voltam a abrir candidaturas, desta vez em formato full-time e remoto
  • Aulas dos cursos de Programação, com taxa de empregabilidade de 97%, e de Análise de Dados, com 100% de empregabilidade, começam dia 21 de novembro, não sendo necessária qualquer experiência prévia

A escola líder no ensino tecnológico, que está presente em Portugal desde 2019, está a abrir turmas para os bootcamps de Web Development e Análise de Dados, em regime totalmente remoto e full-time (9 semanas). As aulas começam a 21 de novembro e as candidaturas podem ser feitas até dia 11 do mesmo mês, no site da escola.

O processo de candidatura inclui três momentos-chave: a candidatura online, a realizar no site; a entrevista pessoal, que é liderada pela equipa de admissões da Ironhack e que tem como objetivo concluir acerca das motivações dos candidatos; e, por fim, o teste técnico, sendo que, apesar de não ser necessária qualquer experiência prévia na área tecnológica, os alunos devem possuir conhecimentos de raciocínio lógico e revelarem que estão prontos para um ambiente educativo intenso.

Ambos os cursos iniciam com um pré-trabalho, ainda antes do começo das aulas, que dura 60 horas e tem como objetivo fornecer aos alunos noções básicas de cada bootcamp.

Para o curso de Web Development, ou Programação, o foco do pré-trabalho é em HTML, CSS e JavaScript. Já os módulos 1, 2 e 3 abordam o Web Design Responsivo com estas linguagens de programação, Back-end e, por fim, Front-end.

Relativamente ao bootcamp de Análise de Dados, o pré-trabalho inclui uma imersão em command-line, Git, Python, MySQL e Análise Estatística, bem como em programação, área essencial para os analistas de dados. Durante as aulas, os módulos aprofundam o Python e a matemática por detrás da Análise de Dados, e, por fim, machine learning.Ao longo de 9 semanas, em formato totalmente online, os alunos aprendem, assim, o essencial para poderem finalizar o seu bootcamp através de um projeto real a apresentar a empresas tecnológicas. Além disso, findas as aulas, a Ironhack dinamiza a Career Week, uma semana onde os alunos aprendem como melhorar o seu CV, o seu pitch pessoal e ainda formas de atuar em entrevistas de emprego. O Serviço de Carreira também está disponível antes, durante e depois do curso intensivo e permite que empresas parceiras da Ironhack, como o Facebook, a Hays ou a Vinted, contactem diretamente com os graduados.

Para estes bootcamps, que têm um custo de 7.500€ e cujas aulas são dadas em inglês, existem as opções de financiamento disponíveis são a Quotanda e o pagamento em prestações.

Catarina Costa, responsável pelo campus de Lisboa da Ironhack Portugal, diz que: “para nós, é um orgulho ver o crescimento dos alunos que escolhem mudar de vida connosco e combater a lacuna que existe na área tecnológica, especificamente na área de Programação e Análise de Dados. Assim, e porque não queremos limitar as opções, sentimos a necessidade de destacar o formato remoto, que permite que qualquer pessoa, a partir de qualquer parte do país – ou do mundo -, consiga aprender tecnologia de forma bastante rápida e incisiva. O nosso objetivo é continuar a trabalhar nesta acessibilidade e garantir que todos os interessados na área tecnológica conseguem transformar a sua vida e criar impacto, independentemente do local onde vivam ou do seu background.”

A Ironhack é uma escola tecnológica que chegou a Portugal em 2019 e conta já com um campus físico em Lisboa, no Heden Santa Apolónia. Desde a sua chegada a território português, já ajudou mais de 700 alunos de 25 nacionalidades diferentes a mudarem de vida e a ingressarem na área tecnológica.

Candidaturas aqui

The Square