Música XXI | Nova Direção para o Próximo Triénio

0
411
MúsicaXXI-Ana-Oliveira-Direção

Foi no dia 24 de fevereiro que a assembleia geral da Associação Cultural Música XXI reelegeu por unanimidade a lista dos órgãos sociais para o próximo triénio.

A direção, que mantém a sua formação de há três anos, e é presidida por Ana Cristina Oliveira, apresentou o plano de atividades para 2023, que se desdobra por várias áreas culturais, como a música, o teatro, a edição, a formação e a fotografia. O destaque vai para o seu evento emblemático, o Festival de órgão do Algarve, que este ano irá cumprir a sua XVI edição. O festival irá decorrer, como habitualmente desde 2016, nos concelhos algarvios da Faro, Loulé, Tavira e Portimão e, à semelhança do ano de 2022, irá promover atividades diversificadas, como visitas ao interior dos órgãos, apresentação dos alunos da escola de órgão, um concurso de fotografia ou sessões pedagógicas para as escolas do concelho de Faro.

Outras das apostas fortes desta direção são os eventos multidisciplinares, que cruzam vários suportes artísticos, como tem acontecido na Rota das Capelas, que terá a sua última edição no dia 26 de março, na capela de Santo António do Alto e que contará com a intervenção de Gonçalo Pescada.

No âmbito da edição prevê-se a apresentação do novo livro do sócio nº1, da Associação Música XXI, Paulo Cunha, no próximo dia 6 de maio, na Biblioteca Municipal António Ramos Rosa. Subscrevo!?, Reflexões e Provocações, é o título do livro, que reúne um conjunto de crónicas do autor, publicadas semanalmente on line na revista “Algarve Informativo”, na senda de CEM desabafos… SEM espinhas, de 2017.

No que diz respeito às atividades ligadas ao Teatro a Direção prevê a digressão do espectáculo Aldeia Velha, da autoria de António Gambóias, e que já tem agendados espectáculos em Lisboa, integrados na Mostra de Teatro Abril, Teatros Mil. Ainda no âmbito do Teatro prevê-se a criação de um ciclo de teatro a decorrer a partir de maio da sede da Associação.

A Música XXI continua de portas franqueadas a todos os que se queiram associar aos seus projetos, e “venha também quem vier por bem!”

Música XXI

MúsicaXXI-Direção