AI | Portugal Apoia Processo Eleitoral na Guiné-Bissau

0
328
Processo-Eleitoral

Portugal vai enviar cerca de 16 toneladas de material eleitoral para a Guiné-Bissau, esta terça-feira, destinado à realização das eleições legislativas do próximo dia 4 de junho.

A disponibilização deste material é feita ao abrigo da Cooperação Eleitoral entre Portugal – através dos Ministérios dos Negócios Estrangeiros e da Administração Interna – e a Guiné-Bissau, sendo o transporte assegurado por voo civil também suportado pelo Estado Português.    

O contributo português inclui boletins de voto, atas constitutivas e de apuramento, folhas de descarga de votos, lista de votantes, minutas de protestos e reclamações, entre outro material necessário às eleições, que serão entregues às autoridades guineenses pelo embaixador de Portugal em Bissau.

A este apoio ao processo eleitoral, que ascende globalmente a 290 mil euros, Portugal juntará ainda uma contribuição adicional de 250 mil euros. Ambas as contribuições enquadram-se nos esforços internacionais que têm vindo a ser realizados pelo Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD).

Recorde-se, ainda, que Portugal havia disponibilizado no final de 2022, a pedido das autoridades guineenses, um montante extraordinário de 5 milhões de euros para o Orçamento-Geral do Estado da Guiné-Bissau, para fazer face ao agravamento da conjuntura económica e financeira internacional, visando reforçar o apoio da Cooperação Portuguesa às áreas da Educação e da Saúde, bem como do robustecimento da democracia, designadamente através do apoio à realização de processos eleitorais.

Portugal reconhece a importância das eleições legislativas do próximo dia 4 de junho na Guiné-Bissau para a vida política e para o desenvolvimento do país.

MAI

Ministerio-Admin-Interna