Conferência da Magos IS revela Novidades sobre Futura Dessalinizadora no Sudoeste Alentejano

0
98
João-Dotti-Magos-e-Francisco-Batista-Agrieletrica

A Magos IS e a Agrilétrica organizaram uma conferência na Associação de Regantes do Mira (ABMIRA), em Odemira, no dia 19 de janeiro, sobre os novos desafios da produção agrícola no Sudoeste Alentejano, onde foram apresentadas estratégias para o uso sustentável da água na agricultura e foi revelado um estudo prévio para a construção de uma central de dessalinização da água do mar na região.

A futura central terá capacidade para dessalinizar 25 milhões m3 de água/ano e implica um investimento de 200 milhões de euros, incluindo a construção de infraestruturas para levar a água dessalinizada às condutas do perímetro de rega do Mira, mas também até à Barragem da Bravura, em Lagos.

“Estamos preparados para abrir um concurso para encontrar interessados na construção da dessalinizadora, prevendo-se que pelo menos uma parte da água vai estar disponível para ajudar a recarregar a Barragem da Bravura. Portanto, pelo menos essa água deveria ser assegurada e comprometida pelo Estado”, afirmou Luís Mesquita Dias, presidente da AHSA– Associação de Horticultores, Fruticultores e Floricultores dos Concelhos de Odemira e Aljezur, a entidade que encomendou o estudo.

O estudo recomenda a localização da central junto ao mar, mas também avaliou a possibilidade da sua localização 3 kms para o interior, fora do perímetro do Parque Natural do Sudoeste Alentejano, representando esta localização um custo adicional de 40 milhões de euros.

A garantia de disponibilidade de água é fundamental para manter a competitividade da agricultura no Sudoeste. O perímetro de rega do Mira abrange uma área de 12 000 hectares, metade da qual tem culturas de regadio instaladas, gerando 300 milhões de euros de exportações de produtos hortofrutícolas.

O administrador da Magos IS, João Dotti, afirmou que “o objetivo da Magos IS é contribuir para o desenvolvimento económico do Sudoeste, através da nossa capacidade de projeto e de instalação de sistemas de rega, dotando os agricultores das tecnologias mais eficientes para um uso eficiente da água”, e destacou a importância da nova parceria entre Magos IS e a Agrilétrica,

“uma empresa instaladora bem cotada nesta região, que permite à Magos IS prestar uma assistência técnica mais rápida e mais próxima aos seus clientes do Sudoeste”.

As boas práticas de gestão da água são cada vez mais uma exigência das cadeias de supermercados aos seus fornecedores. A consultora Isália Cruz apresentou o módulo SPRING, do referencial de certificação GLOBAL G.A.P., que inclui 44 pontos de controlo de gestão sustentável da água nas explorações agrícolas, e recordou que, por exemplo, o LIDL Portugal já anunciou que quer certificar 100% dos seus produtores nacionais de frutas e legumes, até final de 2025, com este módulo.

Miguel Tavares, responsável da Sysmart, sublinhou a importância da qualidade da água de rega, e apresentou boas práticas de projeto e de implementação de sistemas de rega para tirar o melhor partido da água disponível. A ITC, fabricante de bombas doseadoras e equipamentos de controlo de dosagem para fertirrigação, e a Rivulis, fabricante líder mundial em soluções para rega gota-a-gota, apresentaram soluções para um regadio eficiente e sustentável.

Comunicland