Portimão | Estão Abertas Inscrições para Conferência Anual e Cerimónia de Entrega dos EMYA 2024

0
238
EMYA-2024-Símbolo

No ano em que se celebra o centenário da cidade, Portimão também será a capital europeia dos museus, acolhendo entre 1 e 4 de maio a conferência anual e a cerimónia de entrega dos Prémios EMYA – European Museum of the Year Award 2024, considerados a mais prestigiada distinção na área da museologia europeia.

As inscrições para participar no evento já se encontram abertas, devendo os interessados registar-se para o efeito até 21 de abril, mediante o preenchimento de ficha de inscrição disponível aqui: https://emya2024portimao.com

Além de garantir a sua presença através do registo online, o participante poderá aceder ao programa detalhado da conferência anual e da cerimónia de entrega dos EMYA 2024, bem como aos itinerários das visitas culturais e respetivas inscrições.

O website disponibiliza menus de teor prático e informativo sobre Portimão, que anualmente recebe e acolhe centenas de milhares de turistas, e revela empenho na divulgação e na valorização da sua singularidade histórica.

Justamente por isso, e sendo anfitriã do EMYA 2024, a cidade pretende refletir no quadro da museologia europeia uma extensão dessa dimensão de bem receber e acolher, tão característica das gentes de Portimão.

Nesse sentido, serão dois os locais distintos para a realização do evento: no dia 1 de maio, o Museu de Portimão dará as boas-vindas aos profissionais de referência do sector; entre os dias 2 e 3 de maio, o TEMPO – Teatro Municipal de Portimão será o palco principal da conferência, que tem como tema “Museus em busca de impacto social”, assim como da cerimónia de entrega de prémios, marcada para as 19h00 de 4 de maio.

A conferência “Museus em busca de impacto social” propõe constituir-se como espaço de diálogo, discussão e partilha de experiências, ideais e projetos de inovação e cooperação sobre o impacto dos museus e dos seus profissionais.

Através de diversas apresentações e painéis de debate, entrevistas e workshops, o evento será ainda um momento privilegiado de debate e reflexão acerca das múltiplas visões, missões e potencialidade dos museus europeus, não apenas no presente, mas no horizonte futuro, inserido na contínua evolução museológica internacional.

Durante dois dias, os museus terão a oportunidade de se apresentarem, revelando a sua dimensão enquanto espaços dinâmicos, históricos e socialmente relevantes e estruturas insubstituíveis no domínio cultural e científico, além de abordarem as suas estratégias para uma melhor acessibilidade, proximidade e inclusão social e comunitária, assente nos princípios e valores democráticos europeus.

Organizada pelo EMF – European Museum Forum, em colaboração com o Conselho da Europa, a 47.ª edição dos prestigiados prémios conta com 50 nomeados de 24 países europeus, incluindo três candidatos portugueses (Museu da Covilhã, Museu do Tesouro Real e Núcleo Arqueológico da Rua dos Correeiros), e reunirá a comunidade EMYA, entre antigos candidatos e vencedores, parceiros, membros do júri e amigos, além dos nomeados deste ano.

Perante a grande diversidade de museus presentes, esta é uma excelente oportunidade para conhecer a singularidade e relevância de cada um, a dimensão das suas boas práticas, as formas de relacionamento com o público e os principais desafios que enfrentam.

Estreita relação entre o Museu de Portimão e o EMF

Desde que recebeu, em 2010, o Prémio “Museu Conselho da Europa”, o Museu de Portimão tem vindo a estabelecer uma estreita ligação europeia com o EMF. Em 2018, um outro acordo de parceria estabelecido entre o Município de Portimão e o European Museum Forum, permitiu a instalação da sede do secretariado do EMF e do seu arquivo histórico no Museu de Portimão e no respetivo Centro de Documentação.

Desse modo, será toda a história deste prémio europeu e a documentação das centenas de museus candidatos, nomeados e premiados, ao longo de 42 anos de existência (1977-2019), que de Liverpool, Berlim e Milão ficarão reunidos em Portimão, onde vão ser organizados e preparados para posterior acesso público.

Fruto desta parceria, foi também criado o Prémio “Museu Portimão”, uma nova categoria através da qual é objetivo distinguir anualmente o museu mais acolhedor e acessível da Europa.

Museu de Portimão é sede do EMYA

Instalado numa antiga fábrica de conservas de peixe, o Museu de Portimão abriu portas em 2008 e apresenta-se como um observatório permanente e uma estrutura de mediação cultural para investigar, conservar, interpretar, divulgar e valorizar os mais relevantes testemunhos materiais e imateriais da história, do património, território, memória e identidade da comunidade local e regional, na sua interação com o mundo.

Vencedor do Prémio Museu do Conselho da Europa em 2010, é desde 2018 a ‘casa- sede’ do EMYA, albergando o secretariado e arquivo, tendo o diretor científico do Museu de Portimão, José Gameiro, desempenhado desde 2012 as funções de júri, do qual foi presidente entre 2015 e 2018.

Para mais informações: www.europeanforum.museum

Contacto: [email protected]

CM Portimão