Porto de Sines cresceu 16% no primeiro trimestre do ano

0
44
Porto-Sines

O Porto de Sines encerrou o primeiro trimestre do ano com um crescimento homólogo de 16%, registando um total de 11,5 milhões de toneladas de carga movimentada.

Destaque para o segmento da Carga Geral, onde se inclui a Carga Contentorizada, que acumulou uma movimentação total de 5,7 milhões de toneladas, correspondendo a um acréscimo de 36%. De notar que a Carga Geral representa já 50% do total movimentado em porto, sendo o segmento a registar a maior evolução na última década, com um incremento da ordem dos 20%.

Ainda neste segmento, e no que diz respeito ao número de TEU (1 TEU = 1 contentor de 20 pés), o Terminal de Contentores de Sines movimentou cerca de 450.000 TEU nos três primeiros meses do ano, o que significou um crescimento homólogo de 28%.

E se os Granéis Líquidos mantiveram a performance de 2023, com uma movimentação total a rondar os 5,6 milhões de toneladas, os Granéis Sólidos começam a dar sinais de recuperação, fruto da diversificação e dinamização de novas cargas movimentadas no Terminal Multipurpose. Cargas como o minério de ferro, diferentes cargas de projeto, gesso, ureia ou granulado de madeira têm vindo a contribuir para a recuperação paulatina dos índices de movimentação deste terminal, fortemente penalizado pelo encerramento das centrais termoelétricas do país.

Com investimentos significativos no Terminal XXI, Multipurpose e de Granéis Líquidos, o Porto de Sines continua a posicionar-se no panorama mundial como porta de entrada privilegiada na Europa e hub estratégico nos vários segmentos de carga, preparando-se ainda para a receção e movimentação de novas cargas, nomeadamente no que diz respeito aos novos combustíveis, cumprindo os desígnios das metas estabelecidas no Pacto Ecológico Europeu.

Unimagem