“ Lições de Infância ”

Letras & Companhia
Tools
Typography



Lembro-me de quando me sentava em frente á televisão a ver o Dragon Ball e Power Rangers e a minha avó vir rapidamente na minha direção  e dizer “ Não vejas isso que não é coisa para as boas meninas verem” e lá voltava eu para as sábias lições de lealdade, amizade, cooperação e coragem que o destemido Dartacão me oferecia, as lições de bravura e companheirismo das Navegantes da Lua, e finalmente as também sábias lições (e sim, estas eram mesmo aulas) de Era uma Vez o Homem, e Era uma Vez o Corpo Humano.

E que saudades tenho eu, saudades de correr atrás das galinhas e dos patos (os meus patinhos), que saudades da Joana, que saudades do Pinguim (o gato), que saudades de me balouçar na nesperira, que saudades de subir o tanque, que saudades de meter a Britney Spears a tocar e descer as escadas como uma diva com os sapatos de penas que a minha mãe comprava nas “lojas dos trezentos”, que saudades…

Saudades do tempo da simplicidade, da inocência tão valiosa para mim, dos tempos da despreocupação…


Mas o tempo passa e não me chamo Peter Pan, o menino que congelou no tempo. Já sou uma Mulher, uma Mulher com M grande, gosto eu de pensar. E como Mulher que sou, enfrento as minhas batalhas, cometo os meus erros, faço mil e uma asneiras, bato contra as paredes, enfrento tempestades e as ondas gigantes, os meus desafios, caio e caio outra vez porque não aprendia com a primeira, mas dou uso às minhas perninhas, levanto-me e preparo-me para outra, sem ter medo luto e luto outra vez…

Mas nunca, nunca deixando de ser a boa menina, das sábias lições que via o Dartacão!

filomena_pires
 
 
 
 
 
Filomena Pires
 
{sharethis}
 
Texto escrito conforme o Acordo Ortográfico - convertido pelo Lince.
BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS