Solta-Mente | Anda aí um Rebuliço

Solta-mente
Tools
Typography

Dizem os ecos que estão a ser criadas condições para uma queda do Governo por desgaste prematuro a trote desta crise pandémica e económica. Uma queda de maduro… prematura. Como ninguém quer puxar a si a culpa dessa irresponsabilidade em tempo de crise sem igual, vão-se colocando umas tormentas pelo caminho, para ir dificultando o navegar, mas de modo a que toda a gente culpe a chuva e não o Neptuno.

Enquanto isso acontece, vamos arrepiando caminho para a escolha de Presidente, cujo resultado é à partida tão surpreendente que a emoção reside toda em quem fica em segundo e terceiro lugares. Assim, o que me parece é que os palcos estão a preparar-se para lutas tórridas, brevemente nas autárquicas, e quiçá, mais qualquer coisinha. Está por todos os jornais, artigos e mais artigos sobre o desgaste do Governo. Não estou a inventar, apenas a contar as vidas de Costa.

Até aqui, pelos nossos algarves, ressuscitam as juventudes partidárias, de várias cores, de barlavento a sotavento. Juventudes estas que estavam adormecidas há anos! Espero que não sirvam somente para distribuir brindes e que incentivem os jovens a participar nos actos eleitorais e a valorizar a democracia. Estão a aparecer partidos e listas que só se faziam ouvir em centros urbanos populosos. De todos os quadrantes. Basta ir ver as notícias regionais: entre Outubro e Novembro a coisa está ao rubro. 

Apesar dos prémios de melhor de destino turístico de praia a situação está ruim devido à forte dependência do sector mais afectado pela pandemia, que já de si, em tempos óptimos, carregava o ónus da sazonalidade. Em 2020 faltou tudo e a recuperação será lenta, para os que recuperarem. Vamos ver que tipo de corridinho algarvio vai ser feito por cá e que soluções se preparam para um Algarve submerso numa tempestade sem precedentes e que exige marinheiros sérios, que façam realmente a diferença. Cuidado, incautos, não baixem a guarda.

Selma NunesRebulicoSoltaMente

BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS