Do Natural ao Casamento Real

Tempo de Crónicas
Tools
Typography

Assim mesmo, tinha de ser, a Grande Mãe Natureza a meu ver aqui por estas bandas Atlânticas, acaba de completar nesta segunda-feira, e mais uma vez, o expensso arvoredo com seus verdes e não só, ajudados pela posição geográfica, as temperaturas cá da area no seu natural - nas suas variantes.

Num bom dia da semana passada, houve tempo para fazer grande parte da hortinha biológica. Pepinos, alfaces, pimentos, egg plants, e couves. Apostamos nalgumas tomateiras e se vierem noites friíssimas terei de as cobrir. Muitas cóvinhas feitas e para lá foram as sementes dos green beans. A salsa e os coentros à bastante tempo na terra cresceram estão capazes para temperar. Das batatas compradas para consumo, algumas em condições, com rebentos corta-se. Semeadas, lá mais para o verão ou mais tarde espera-se colher umas dezenas.

Enfim, quem gosta de ter uma hortinha mais ou menos amanhada tem de olha-la, são necessários cuidados, estima, direi que é um desafio constante.

Neste Tempo de Crónicas, agora reporto-me um pouco acerca do extraordinário evento que foi o Casamento Real em Londres do Princepe Harry, inglês puro com a americana Meghan Markal. Pelos vistos, além do público os noivos usufruiram de um dia radioso, o que não é muito corrente do natural do tempo nas muitas horas cinzentas na Capital Britânica.

Histórico evento recheado de emoções. Visto pela televisão com talentosas reportagens a enquadrarem tão relevante acontecimento na cerimónia, nos percursos que se fizeram a propósito deste enlaçe matrimonial, que dizem poder trazer benefícios para muito mundo.

Que assim seja derivado ao Casamento Real, e para nós que haja ideias, e das boas. E pelas redes sociais apareçam cada vez mais dedinhos polegares encurvados para cima, e mais ainda aquelas redondinhas carinhas de amarelo a entusiasmar a sorrirem, mesmo de olho piscado que nos podem fazer lembrar expressões do Harry e da Meghan!

Ireneu Vidal da Fonseca, Massachusetts E.U.A.TempoCronicas

BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS