fbpx

Tempo de Crónicas | Para que o Natal vá Melhor

Tempo de Crónicas
Tools
Typography

Estamos em mais um ambiente de Natal que não dá para andar plenamente livres a celebrar a época. Parece-me muito provável que assim vai ser também na despedida deste ano para mais um que daqui a duas semanas vem lá dos confins NewZelandeses, e certamente com a senhora Jacinda Arden, a notar aos seus concidadãos para se protejerem, porque o virus não sabemos por onde anda.

E como pode estar por todo o lado, temos de ser prudentes cuidadosos, não se vê, só à lupa e ainda por cima desconhece festas, comemorações. Não escolhe ninguém, não quer saber de datas e como sabemos nem sequer poupa o Natal que tanto ajuda os carentes, e que nesta altura é balão de oxigénio para muito comércio. E melhor ainda para quem recebe prendas graças ao evento da Natalidade.

Altura de enfeites ornamentações alusivas ao Natal. A imagem que escolhi para esta crónica captei-a no pinheiro que temos em frente da janela da sala. Há que viver o espírito de Natal pelo melhor possível, dando novo sentido à vida, que em tempo de restrições com o dever de pensar no eu e nos outros.

Porquanto não me sinto motivado para ir à noite ver marés de iluminações natalícias, a não ser as gravuras em pleno dia, menos sujeito a contágio. Peço desculpa às pessoas que vão á noite. Protejam-se, isto não desaparece depressa como desejariamos. 

Joy to the World, em português Alegria para o Mundo, célebre música de Natal, e que em termos da vida do dia há dia melhor seria se vivessemos como à quase dois anos atrás, mas vamos em frente contando com a desejada normalidade, com o tempo será alcançada.

Feliz Natal.

Ireneu Vidal daFonseca, Massachusetts EUATempoCronicas

BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS