Banner Alto Página

Passagens de Ano Vida Nova

Tempo de Crónicas
Tools
Typography

O décimo quinto ano do século vinte e um faz-me lembrar a passagem do 99, para o 2.000, a espetativa que pairava por causa da crendice do fim do Mundo. Nas diferenças de horário, as reportagens na televisão, mostravam entradas de ano novo, aliviavam muita gente, convenciam-se que o profetizado fim de tudo na Terra, não acontecia.

Vindos até agora, e o século XX, ainda considerado o tempo das grandes invenções. Nas artes a nível mundial, a geometria, a diversidade das obras de Pablo Picasso. No campo musical, o rock, com Elvis Presley a liderar. E os Beatles, tremendo sucesso nos anos 60. Inesquecíveis são temas dos ABBA, como Chiquitita, número musical sem precedentes em Causa da UNICEF. Fernando, I Have A Dream, e Happy New Year. Êxitos que deram nome e sucesso sem igual a estes músicos, sempre tão atuais através das suas gravações.

Mas por sucesso, hoje em dia quem não aspira no comum dos cidadãos digamos assim, que muita coisa lhe calhe bem, nem que seja o seu sossego de vivência, para muitas pessoas no trabalho, na vocação. Neste momento pensamos então que novo ano vida nova.

Por este ano, e como não poderia deixar de ser, continuarei quanto possível estar inserido na cultura do saber apreciar, da valorização, faz-nos bem ao corpo e à alma como se costuma dizer.

Ao mesmo tempo sentir a proteção da esperança, grande tempero da vida, um bem que todos nós de uma ou de outra maneira precisamos. Bom Ano.

Ireneu Vidal da Fonseca 
Massachusetts
U.S.A.

BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS