As Festas de Primavera de Sevilha, presentes nos encontros INTREPIDA

Internacionais
Typography

A Fundación Tres Culturas del Mediterráneo dedica dois encontros com empresárias a um dos setores com mais presença na Ásia, o flamenco e tudo o que o rodeia, formação com instrumentos de música, baile, complementos, etc.

Por um lado, no passado dia 26 de maio realizou-se um encontro com Lucía Alvarez da empresa Castañuelas Filigrana. Esta é a terceira geração à frente de uma empresa fundada pelo seu avô e que revolucionou a fabricação deste instrumento de percussão graças à inovação do material. O uso tradicional da madeira para a fabricação das castanholas começou a dar lugar a uma fibra que atinge uma dureza excecional. Este novo material permite que o instrumento possa ser usado em qualquer lugar do mundo sem que os diferentes climas nos países possam afetá-las. Além disso, esta novidade faz com que o instrumento tenha um som adequado para os grandes espaços como os teatros. Hoje em dia as Castañuelas Filigrana oferecem diversos modelos em cores mais favorecidas para combinar com o resto de complementos, como o vermelho ou o branco, outra inovação em relação ao negro ou ao castanho, as cores tradicionais. Lucía Filigrana falou-nos neste emocional encontro que, o principal país para onde exporta é o Japão e que recebe anualmente uma visita de delegados e de jornalistas, desse mesmo país. Castañuelas Filigrana está entre as três únicas empresas espanholas de fabricação artesanal de castanholas, o que a força a uma produção muito alta para fornecer balés, academias e professores em todo o mundo.

Lucía Filigrana fez uma dissertação sobre as castanholas e a criação da empresa a partir da do seu avô, Manuel Vela Martínez, apelidado de "filigrana". Uma recreação desta oficina foi doada pela família à Junta da Andaluzia e hoje pode ser admirada no Museu de Artes e Costumes Populares de Sevilha.

A apresentação de Lucía Filigrana foi acompanhada por Maria del Mar Berlanga, na execução das castanholas que, por sua vez, foi a protagonista do encontro INTREPIDA de dança flamenca no dia 10 de junho, que se realizou no centro Salesianos de la Trinidad em Sevilla.

María del Mar Berlanga está galardoada com o Prémio Nacional de Flamenco. Possui umas qualidades excecionais para o baile flamenco acompanhado de castanholas, uma tradição reconhecida não só em Espanha como também internacionalmente e que permite a continuidade do folclore andaluz, ao longo do tempo. Fundadora de várias Escolas de Baile onde sempre se inclui o toque de castanholas para pessoas de todas as idades, conta com experiência ampla e como artista participou, não só na Bienal de Flamenco de Sevilha, como também em várias ocasiões em diferentes espetáculos. Deu aulas magistrais e participou em diversos workshops no Japão.

O encontro INTREPIDA com María del Mar Berlanga e uma seleção de alunas da sua Escola de Dança permitiu algo de excecional, já que ela fez uma demonstração do som que se consegue com diferentes tipos de castanholas, as diferenças de percussão, usos e outros detalhes que são de difícil acesso em shows tradicionais de flamenco.

O público mostrou muito interesse, um grande grupo de pessoas formadas não só por locais como por estrangeiros, deliciaram-se durante estes dois eventos INTREPIDA dedicados a um dos ramos de negócios com maior projeção dentro e fora de Espanha, o flamenco. Entre os presentes, muitas deles foram convidados a participar ativamente, acompanhando com o toque das castanholas, por se tratar de um instrumento que as mães costumam dar às suas filhas e netas. Hoje ainda é uma tradição importante que sobrevive ao longo do tempo.

A Fundación Três Culturas del Mediterráneo é a principal beneficiária do projeto INTREPIDA plus, juntamente com os seguintes parceiros de Espanha e Portugal: Câmara Municipal de Huelva, Mancomunidad Desarrollo Condado de Huelva, Núcleo Empresarial da Região de Portalegre (NERPOR), Núcleo Empresarial da Região de Évora (NERE) e o Município de Faro. O projeto INTREPIDA plus conta com financiamento europeu do programa INTERREG V A Espanha-Portugal (POCTEP). 

Mais informação sobre o projeto INTREPIDA em www.tresculturas.org/intrepida

Mais informação sobre Castañuelas Filigrana em  http://castanuelasfiligrana.com/

Mais informação sobre María del Mar Berlanga em

https://es-es.facebook.com/pages/category/Artist/Escuela-de-Flamenco-M%C2%AA-del-Mar-Berlanga-231663230187462/

Fundacion Tres CulturasSevilhaFestas1SevilhaFestasSevilhaFestas2SevilhaFestas3SevilhaFestas5SevilhaFestas6

BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS