APAV apresenta estatísticas sobre apoio a Crianças e Jovens vítimas de violência sexual

Nacionais
Tools
Typography

A Associação Portuguesa de Apoio à Vítima apresenta o relatório estatístico sobre Apoio a crianças e jovens vítimas de violência sexual 2016-2019 (PDF). O apoio especializado a este tipo de vítimas surgiu em 2016, com o arranque do Projeto CARE – rede de apoio especializado a crianças e jovens vítimas de violência sexual, com financiamento da Fundação Calouste Gulbenkian. Estes quatro anos de resposta especializada tiveram como resultado: 1.167 crianças e jovens apoiados/as; 154 familiares e amigos/as apoiados/as; e 15.204 atendimentos realizados.

Destaca-se ainda o crescendo contínuo de pedidos de apoio, que mais do que duplicaram desde o início do funcionamento da rede CARE: de 195 novos casos em 2016 a 417 novos casos em 2019. Salienta-se ainda que, na maioria dos casos comunicados à APAV, as vítimas eram raparigas e, à data do pedido de apoio, tinham entre 14 e 17 anos de idade. À semelhança do que já vinha igualmente a ser constatado nos anos anteriores de atividade deste projeto, a vitimação ocorre sobretudo em contexto intrafamiliar (52,2% dos pedidos de ajuda recebidos), sendo, sobretudo, praticada, nestes casos, por pais/mães ou padrastos/madrastas.

Além do apoio direto às vítimas de crime e violência, esta rede de apoio especializado tem desenvolvido um trabalho contínuo de formação e sensibilização, tendo, especificamente neste última, abrangido mais de 16.000 participantes.

A APAV promove no dia de hoje, 20 de fevereiro, o Seminário Passado, presente e futuro do apoio a crianças e jovens vítimas de violência sexual - o papel do projeto CARE. O evento decorre na Sala 1 da Fundação Calouste Gulbenkian, em Lisboa, e insere-se no âmbito das atividades do Projeto CARE – rede de apoio especializado a crianças e jovens vítimas de violência sexual, visando apresentar o trabalho realizado por esta equipa e alguns dos resultados obtidos. Consulte aqui o programa.

Este seminário é promovido no âmbito do Dia Europeu da Vítima de Crime, assinalado a 22 de fevereiro. Esta efeméride foi instituída pelo Victim Support Europe, organização que reúne 58 instituições de apoio à vítima oriundas de 30 países europeus, para recordar os direitos de quem é vítima de crime. Celebrando a data, a APAV associa-se ainda à campanha de sensibilização "One Voice, One Cause", promovida pelo Victim Support Europe. Durante o ano de 2020 a APAV irá ainda celebrar a sua história de 30 Anos pelos Direitos das Vítimas, promovendo ao longo de todo o ano - de janeiro a dezembro - iniciativas de âmbito local, nacional e internacional. Consulte aqui o programa de celebração.

APAVCriancasJovensAPAVAPAVContactos

BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS