APAV/Intercampus: Perceção da População sobre Criminalidade e Segurança

Nacionais
Tools
Typography

A Associação Portuguesa de Apoio à Vítima apresenta o Barómetro APAV/INTERCAMPUS sobre a "Perceção da População sobre Cibercriminalidade e Segurança".

O estudo teve como principais objetivos aferir a perceção sobre criminalidade e sentimento de segurança, bem como a experiência pessoal em diversas situações de criminalidade. A recolha de dados foi realizada com base num questionário elaborado pela APAV e a informação foi recolhida através de entrevistas online, junto de um painel de 590 internautas, no período entre 2 e 20 de novembro de 2020.

Destacamos algumas conclusões:

- 34% dos inquiridos experienciou alguma situações de burla;

- Entre 12% e 18% das pessoas inquiridas foram alvos de burlas online, como phishing, através de SMS, smishing, para pagamento urgente de alegada dívida ou em plataformas de compras online. A maioria, apesar de ter sido abordada, não acedeu à solicitação;

- 18% dos inquiridos teve alguma experiência pessoal nos últimos 12 meses, com furtos ou roubos fora de casa;

- 45% das situações de furto ou roubo fora de casa aconteceu em veículo automóvel particular;

- 45% das situações de furto ou roubo fora de casa aconteceu em transporte público;

- 17% dos inquiridos teve alguma experiência pessoal nos últimos 12 meses, com furto ou roubo em casa;

- 42% das situações implicou a destruição de uma porta, janela ou similar;

- Menos de metade dos inquiridos formalizou denúncia ou queixa junto de uma entidade policial (PSP, GNR, PJ, SEF) ou do Ministério Público.

Consulte aqui o documento completo:
Barómetro APAV/INTERCAMPUS: Perceção da População sobre Cibercriminalidade e Segurança (PDF)

APAVCrimeSeguranAPAV

 

BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS