Praias de Castro Marim estão mais seguras

Regionais
Tools
Typography

Foi uma iniciativa pioneira no país, em 2015 a Câmara Municipal de Castro Marim equipou as praias do concelho com desfibrilhadores automáticos externos (DAE’s). Além disso, no ano passado foram também entregues macas (planos duros) aos nadadores-salvadores responsáveis pelas diferentes concessões, que permitem a imobilização e contenção das vítimas durante o transporte.

Os nadadores-salvadores recebem formação técnica para manobrar os equipamentos, o que permite assegurar, em caso de emergência médica, as manobras de Suporte Básico de Vida e a desfibrilhação nos primeiros minutos após a ocorrência de uma paragem cardiorrespiratória, até à chega do INEM/Bombeiros. De referir que a utilização do DAE é o único tratamento eficaz na paragem cardíaca em casos de fibrilação ventricular, causa da maior parte dos episódios de morte súbita. A utilização dos dispositivos, em ambiente extra-hospitalar, por pessoal não médico, melhora significativamente a sobrevida do paciente.

“A morte por paragem cardíaca nas praias é muito mais frequente do que por afogamento, para onde tem sido canalizada a atenção deste país ao longo dos anos”, realça o presidente da autarquia e também médico, Francisco Amaral, acrescentando que investimento na segurança das pessoas é também uma mais-valia e um fator de diferenciação das praias do concelho de Castro Marim.

Fonte: GC da CM Castro MarimDesfibrilhadorCMarim

 

BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS