Escuteiros de Tavira - Acampamento Mundial 2019 EUA

Regionais
Tools
Typography

O Agrupamento 100 de Tavira do Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português, esteve nos EUA entre 20 de julho a 7 de agosto com o intuito de participar no Acampamento Mundial (Jamboree) que se realizou em West Virgínia.

Decorreu de 22 de julho a 2 de agosto, o 24º Jamboree Mundial, que se trata de um acampamento que reúne escuteiros de todas as partes do mundo, de 4 em 4 anos, num local diferente. O Jamboree Mundial surge como uma ideia do Fundador do Escutismo, Baden-Powell, após a Iª Guerra Mundial, como um encontro de amizade e perícia escutista, onde os jovens de todo o mundo poderiam conviver durante vários dias e partilhar a sua amizade pelo maior movimento de jovens do mundo. O 24º Jamboree Mundial realizou-se no Campo de Atividades Escutistas dos Boy Scouts of America na Reserva Nacional Família Bechtel, em West Virgínia, Estados Unidos da América, sendo uma organização conjunta dos escuteiros do Canadá, México e América, que contou com mais de 45 000 escuteiros de todo o mundo. Este Jamboree tinha como lema "Unlock a new World", desbloquear um novo mundo (em português), convidando todos os participantes a descobrir um mundo melhor nos 12 dias de acampamento.

O Summit Bechtel Reserve (local de acampamento) situa-se no coração do estado de West Virgínia nos EUA, é administrado pelos escuteiros americanos e encontra-se devidamente preparado para este tipo de atividade, com todas as infraestruturas necessárias. O campo disponibiliza também diversas atividades, nomeadamente, arborismo, slide, padle, BTT, skate, canoagem, as quais funcionaram durante todo o acampamento com o apoio dos IST.

As atividades foram pensadas para que os participantes pudessem circular pelo campo em duplas e assim conseguirem conhecer novos escuteiros de todo o mundo, fazendo novas amizades, trocando insígnias, lenços entre si, sendo esta uma parte essencial das atividades de grandes dimensões. 

Pela primeira vez, o agrupamento 100 de Tavira do Corpo Nacional de Escutas participou na atividade, com um contingente de 20 elementos: 14 jovens participantes (doas 14 aos 18 anos), 2 líderes adultos que acompanharam os participantes em campo e 4 IST's (Equipa Internacional de Serviço- membros do STAFF com mais de 18 anos). No total, participaram 28 escuteiros do Algarve (Tavira, Carvoeiro e Sé de Faro) e cerca de 820 portugueses.

Este sonho começou há cerca de 2 anos com a apresentação da atividade aos elementos e pais, que começaram logo as angariações de fundos para tornar esta realidade possível. Desde então, o agrupamento realizou diversas iniciativas como a venda de bolachas, de rifas, eventos como a Grande Caracolada á Escuteiro, Arraial Escutista, bailes de carnaval, participação em feiras e mercados, entre muitos outros. Com estas angariações foi possível proporcionar a oportunidade a todos aqueles que queriam participar nesta atividade, sem olhar ás possibilidades financeiras de cada elemento.

As cerimónias em campo, Cerimónia de Abertura, Cerimónia do dia cultural e Cerimónia de Encerramento, foram também os pontos altos do Jamboree, reunindo os mais de 45 mil escuteiros numa arena junto ao rio, onde ao fim do dia se assistia ao pôr-do-sol. Nesse local, houve de tudo um pouco, desde demonstrações culturais, discursos, concertos, espetáculos de luzes com drones, fogo de artifício.

O dia cultural realizado no dia 26 de julho, foi um dia diferente onde os escuteiros dos diversos países tiverem oportunidade de partilhar as suas culturas, dando a provar alguns pratos típicos, mostrando os seus trajes típicos entre diversos aspetos da sua cultura.

Houve também um dia dedicado a todos os países que têm em comum a língua portuguesa, o dia da Lusofonia, que reuniu escuteiros de Angola, Brasil, Cabo Verde, Macau, Moçambique, Portugal e Timor-Leste, num espetáculo cultural muito rico e vasto.

O "Centro Moundial" era o local onde as atividades eram direcionadas para o escutismo atual, discutindo questões como a igualdade de género, o desenvolvimento sustentável, a segurança no escutismo e qual o papel dos escuteiros no século XXI.

Após o término do Jamboree Mundial no dia 2 de agosto, os escuteiros de Tavira tiveram ainda a oportunidade de conhecer um bocado mais dos EUA voando para Nova York, a "cidade que nunca dorme"! Durante 5 dias, os elementos conheceram muitos dos recantos daquela cidade, visitando a ilha de Manhattan, o Empire State Building, a Times Square, o Museu Metropolitano de Arte, a Ponte de Brooklyn ou o Museu de História Natural, entre muitas outras coisas fantásticas que Nova York tem para mostrar.

O regresso aconteceu no dia 7 de agosto, onde á sua espera estavam as famílias dos elementos que preparam uma grande festa de recepção. O grupo acredita que o Jamboree Mundial foi incrível, sendo uma oportunidade única na vida de um escuteiro, e já se encontra a preparar o Eurojam 2020 (Jamboree Europeu que se realiza no Próximo ano em Gdansk, na Polónia).

Fonte: LS EscutismoEscuteirosTavira1EscuteirosTavira2EscuteirosTavira3EscuteirosTavira5EscuteirosTavira6EscuteirosTavira7EscuteirosTavira8EscuteirosTavira9EscuteirosTavira10EscuteirosTavira11

BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS