Voluntariado celebrado em SB de Alportel com apresentação do projeto "Um dia pela Vida"

Regionais
Tools
Typography

O Dia Internacional do Voluntariado, 5 de dezembro, foi assinalado em São Brás de Alportel com uma sessão especial que decorreu na Biblioteca Municipal Dr. Estanco Louro.

A sessão comemorativa deste dia que tem um significado especial para a comunidade são-brasense contou com a presença de dezenas de voluntários da Rede de Voluntariado “São Brás Solidário”, assim como da coordenadora desta rede, Ircília Gonçalves, que fez um balanço do trabalho realizado ano após ano na colaboração da rede em diversos projetos de solidariedade promovidos pela Câmara Municipal em parceria com a Junta de Freguesia tais como, por exemplo, o Jantar Solidário de Reis, o Mercadinho Solidário e a Loja Social, e referindo ainda as campanhas do Banco Alimentar Contra a Fome do Algarve, que na mais recente edição no passado fim de semana conseguiram alcançar quase 4 toneladas de alimentos em São Brás de Alportel.

Projetos de apoio aos mais carenciados que têm como ingrediente fundamental para o seu sucesso a participação e dedicação de voluntários da rede constituída por membros portugueses e estrangeiros da comunidade são-brasense.

Durante a sua intervenção no encontro, a Vice-presidente da Câmara Municipal de São Brás de Alportel, Marlene Guerreiro, afirmou que o voluntariado é “mais do que um projeto. É uma atitude de vida” que está bem presente na comunidade são-brasense.

A Rede de Voluntário “São Brás Solidário” é dinamizada a partir da Junta de Freguesia de São Brás de Alportel, tendo o seu presidente, João Rosa, destacado a determinação e a entrega dos voluntários na concretização de cada tarefa ou projeto.

A segunda parte desta sessão foi dedicada ao projeto “Um dia pela Vida”, um projeto internacional que arrancou em Portugal em 2004 e que entretanto já contou com 67 edições, em vários cantos do país, e que chega agora a São Brás de Alportel.

A iniciativa é organizada a nível nacional pela Liga Portuguesa Contra o Cancro (LPCC) e foi apresentada nesta sessão pela coordenadora do Núcleo Regional do Sul da Liga, Filipa Rocha Mendes, e pela colaboradora Joana Magalhães.

“Mais do que uma angariação de fundos, o «Um dia pela Vida» é uma experiência que permite mudar vidas”, afirmou Filipa Rocha Mendes. O projeto arranca sempre com a organização de um evento por voluntários que culmina num dia de festa aberto à comunidade e recheado de ações que pretendem abordar o cancro em diversas vertentes como a educação para saúde, a prevenção primária, a desmistificação da palavra “cancro”, que dá a conhecer o trabalho realizado pela Liga e que permite a angariação de fundos para apoiar os projetos da Liga. Trata-se de um evento aberto a toda a população com atividades desportivas e lúdicas, momentos de partilha de experiências e momentos de informação e sensibilização sobre a temática oncológica.

O desafio para a realização de “Um dia para a Vida” em São Brás de Alportel está lançado a toda a comunidade e a sua concretização depende agora do número de voluntários que demonstrem a sua vontade de colaborar.

Para saber mais sobre este projeto, contacte a Rede de Voluntariado “São Brás Solidário”, na Junta de Freguesia de São Brás de Alportel.Voluntariado SBAFonte: GI da CM SBA

BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS