"Notícias sobre redução de spreads dos empréstimos. Será que compensa mudar?

DECO - Consultório do Consumidor
Tools
Typography

“Ouvi algumas notícias que dão conta da redução de spreads dos empréstimos. Será que compensa mudar?”

A DECO INFORMA… Se contratou um crédito à habitação com um spread acima de 2%, pode estar a deixar escapar uma oferta mais vantajosa no mercado. Veja se está na altura de negociar com o banco:

1. CONFIRA AS CONDIÇÕES DO CRÉDITO: Verifique o spread, os prémios dos seguros associados (vida e multirriscos-habitação) e os produtos, eventualmente, subscritos na altura da contratação do empréstimo. Confira as comissões que suporta com a conta bancária e veja se e quanto paga de comissão de processamento da prestação. 

2. PESQUISE OFERTAS MAIS BARATAS NO MERCADO: A melhor forma de encontrar uma solução mais barata é fazer uma simulação personalizada num simulador de crédito à habitação, como no nosso site em www.deco.proteste.pt/comprar-casa. 

3. COMPARE COM O EMPRÉSTIMO ATUAL: Compare os resultados das simulações com as condições atuais do crédito. Spreads abaixo de 2% são, seguramente, sinónimo de poupança. Mas não se fixe apenas neste indicador. Muito menos nas prestações mensais. Compare as TAEG (taxa anual de encargos efetiva global) das simulações com a do crédito. Este indicador é o único que reflete todos os custos do empréstimo, incluindo juros e comissões. Compare também os MTIC (montante total imputado ao consumidor), que correspondem ao valor global que terá de pagar ao banco durante o prazo do crédito (valor do empréstimo mais os custos associados ao financiamento).

4. HÁ UMA OFERTA MELHOR? CONTACTE O BANCO: Se encontrar uma oferta mais barata, contacte o banco e apresente as condições da concorrência. Diga que, encontrada uma proposta mais vantajosa no mercado, quer renegociar as condições do seu empréstimo.

5. BANCO DIZ NÃO. CONSIDERE TRANSFERIR O CRÉDITO: Para saber se vale a pena, some todos os custos associados à mudança de banco: penalização por amortização antecipada, comissão de abertura de novo crédito (incluindo nova avaliação do imóvel) e escritura. Veja se o banco para onde quer transferir o empréstimo comparticipa algum destes encargos.

GPI DECO-AlgarveCreditoHabitacao