Notícias

Grid List

Pelo segundo ano consecutivo, o projeto Loulé Criativo associa-se à empresa Medronho J.R. e propõe uma atividade de colheita de medronho, em plena serra algarvia, no dia 17 de novembro, sábado, das 9h00 às 15h00.

Nesta segunda edição, os participantes poderão testemunhar e participar na tradicional apanha do medronho numa zona conhecida pela abundância e qualidade deste fruto, em plena serra do interior do Concelho de Loulé.

O programa começa com um agradável passeio no campo, seguido de uma atividade de apanha do medronho, assim como de uma visita à destilaria tradicional da empresa Medronho J.R., passando pela zona de armazenamento e fermentação dos frutos, pela caldeira em cobre aquecida a lenha culminando na degustação das aguardentes produzidas no local. Por fim, os participantes poderão desfrutar de um almoço preparado no Grupo Desportivo Serrano, no Monte Ruivo.

O Workshop, ministrado em Inglês e Português, tem um custo de 25 euros por pessoa (almoço incluído). As inscrições podem ser feitas em http://loulecriativo.pt/pt/turismocriativo/experiencias/84-a-apanha-do-medronho

Refira-se que o Município de Loulé, através da iniciativa Loulé Criativo, convida ainda todos os locais e visitantes a tirar partido do outono ao participar em atividades repletas de tradição e saberes milenares. A programação é variada e conta com workshops de bombons com sabores do Algarve, de figos com amêndoa, de olaria e muitas mais atividades que, certamente, irão agradar a miúdos e graúdos.

Mais informações em Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar. ou 289 400 894.

Fonte: GAP da CM LouléMedronhoAguardenteMedronho

“Programar nas periferias: o quê? Para quem? Com quem?” são os temas do debate promovido pela associação Acesso Cultura, que terá lugar no próximo dia 20 de novembro, terça-feira, pelas 18h30, no Cine-Teatro Louletano.

Pretende-se refletir sobre as periferias. O que são as “periferias”? Haverá outras, para além das geográficas? Existirão também no centro das nossas cidades? E uma periferia poderá também ser um centro? O que se programa nessas periferias? Quem programa e para quem? São estas algumas das questões sobre as quais se discutirá.

Com moderação de Paulo Pires, programador cultural na Câmara Municipal de Loulé, debaterão o tema os seguintes convidados: Carolina Santos (atriz), Associação Mákina de Cena, João de Mello Alvim (diretor de teatro), Folha de Medronho - Associação de Artes Performativas, de Loulé, Jorge Pereira (artista plástico) e LAC - Laboratório de Artes Criativas, de Lagos.

O debate “Programar nas periferias: o quê? para quem? com quem?” ocorrerá em simultâneo nas cidades de Évora, Funchal, Lisboa, Loulé, Porto e Vila Nova de Famalicão. De realçar que, no âmbito das iniciativas promovidas pela associação Acesso Cultura, já tiveram lugar no Algarve, em 2018, os seguintes debates: “Acessibilidade: o que impede as boas práticas?”, “Podem as organizações culturais fazer política. Devem?” e “Design de comunicação. Elitista?”.

A entrada é livre e sujeita à lotação das salas.

Fonte: GAP da CM LouléPeriferiasDebate

 

Realiza-se na antiga Cadeia de Lagos a "Urban Art Experience" Momentos Fantásticos com Património, dia 24 de novembro, ás 10h00 | 12h00 - 15h00 | 17h00.
 

A partir de um emblemático edifício histórico, outrora espaço de inibição de liberdade (cadeia), hoje espaço cultural e de experimentação artística, é iniciada uma viagem de descoberta do que se faz ao nível da arte urbana na cidade de Lagos. Através de uma visita guiada a obras de alguns dos artistas mais representativos do panorama contemporâneo da arte urbana o participante é convidado a desvendar possíveis mensagens implícitas nos murais desta cidade tela, ao mesmo tempo que procura outras particularidades reveladoras da sua importância cultural, histórica e artística.

O programa  integra a atividade “Stencil Experience - Aprender Fazendo” orientada por um artista convidado. Inclui materiais: disponibilização de stencil, tintas -spray, papel entre outros. No final o participante fica com o resultado do seu trabalho criativo.

Duração: 4 horas

Classificação etária: s/ classificação

Fonte: 365 AlgarveUrbanArt

Decorre até ao dia 15 de dezembro o período de receção das candidaturas para expositores e vendedores ambulantes na Feira de Verão de Quarteira 2019.

Depois de uma primeira edição promissora, a Feira de Verão de Quarteira regressa em 2019 para voltar a animar a cidade no novo polo de centralidade urbana. O Jardim Joaquim Filipe Jonas e áreas adjacentes, junto à Avenida Francisco Sá Carneiro, recebe entre 14 de junho e 15 de setembro de 2019 um certame que pretende atrair mais turistas a esta cidade, criando aqui um espaço de dinamização de iniciativas recreativas, bem como uma zona de carácter comercial, com dezenas de expositores nas áreas do artesanato ou produtos agroalimentares.

A Feira volta a integrar três áreas distintas: espaços de venda, espaço de divertimentos infantis e espaço com palco para atuações. A organização irá promover durante estes três meses um vasto e diversificado programa de animação, com espetáculos de música, teatro, dança ou exposições. Entre 2 e 28 de agosto, o certame será reforçado com o espaço temporário que aliará expositores em representação das mais importantes editoras e livreiros com o que de melhor há para oferecer em termos de artesanato nacional.

A Feira de Verão de Quarteira tem entrada livre e decorrerá no seguinte horário: das 19h30 às 00h00, durante o período de 14 de junho a 11 de julho e de 1 a 15 de setembro, e das 19h30 às 01h00, durante o período de 12 de julho a 31 de agosto.

Os interessados poderão consultar as regras de funcionamento da Feira e processo de candidatura em www.cm-loule.pt

Recorde-se que, logo no ano inaugural, a organização fez um balanço bastante positivo do evento dada não só a numerosa afluência de visitantes à Feira de Verão de Quarteira mas também ao facto da generalidade dos expositores terem manifestado interesse em voltar a participar na próxima edição.

Para os responsáveis municipais, “este ano foram lançadas as bases para este evento mas acreditamos que, já em 2019, o evento se consolide e se torne, cada vez mais, uma referência para os milhares de turistas nacionais e estrangeiros que nesta altura do ano nos visitam. Para além disso, a nossa aposta é aliviar a carga urbanística no espaço do ‘Calçadão’, criando uma nova centralidade num espaço com melhores condições não só para o público mas também para os expositores e vendedores ambulantes e esse objetivo foi já alcançado nesta primeira edição”.

Fonte: GAP da CM LouléFeiraVeraoQuarteira2FeiraVeraoQuarteira3FeiraVeraoQuarteira4

A exposição de fotografia "O Método Científico", de Rodrigo Tavarela Peixoto, é a segunda mostra do ciclo de arte contemporânea A Arte Faz Bem? — uma proposta da Artadentro em colaboração com o Município de Faro e o Museu Municipal de Faro. Tem inauguração marcada para dia 24 de novembro, ás 18h00, no Museu Municipal de Faro. Está patente ao público até 30 de dezembro de 2018.

Rodrigo Tavarela Peixoto é um artista que, de uma perspectiva individual, explora a fotografia como o seu médio de eleição. Para O Método Científico — método concebido com o objectivo de nos garantir verdade na compreensão do mundo —, propõe-nos fotografias das séries "Avaliação da importância histórica através da escultura doméstica" e "Como-se-pode-ver-na-figura" (ambas de 2015), em que tira partido da credibilidade da fotografia na sua qualidade de vestígio automático da realidade, bem como de outros dispositivos retóricos para, com peculiar sentido de humor, nos confrontar com a possibilidade de obsolescência de convenções dadas como adquiridas.

O ciclo de arte contemporânea A Arte Faz Bem?, incluindo quatro exposições, teve início em Outubro de 2018 e decorre até Maio de 2019, com curadoria da Artadentro, realizado em colaboração com o Museu Municipal de Faro e apoiado pelo Município de Faro. Trata-se de uma iniciativa que procura sensibilizar o público farense e algarvio para a relevância social da actividade artística, nomeadamente no campo da arte contemporânea.

Horário: 3ª. a 6ª das 10h00 às 18h00 / Sáb. e Dom. das 10h30 às 17h00.

Encerra 2ªs e feriados

Sobre o artista:

Rodrigo Tavarela Peixoto (Lisboa, 1974), expõe regularmente desde 1999, ano em que terminou os seus estudos no Ar.Co (Curso Avançado e Projecto em Fotografia). Em 1999 recebeu uma bolsa da FLAD, que lhe permitiu continuar os seus estudos na School of Visual Arts, em Nova Iorque. Em 2010 concluiu o Mestrado em Artes Plásticas na ESAD.CR. Realizou o curso do PGCCA de Fotografia (1ª Edição) e está presentemente a realizar um Doutoramento em Estudos de Comunicação como Bolseiro da FCT. Desde 2007 que lecciona várias disciplinas nas Licenciaturas de Fotografia, Animação Digital e Cinema na Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias. Fundou a empresa Resize, realizando trabalhos de Fotografia desde 2001. As suas fotografias estão representadas em algumas das mais importantes coleções portuguesas, como a coleção PLMJ, BES Arte, e Fundação EDP.

Fonte: ArtadentroExpoRodrigoPeixoto

No passado dia 15, a ETIC_Algarve rumou ao Auditório da Casa das Histórias do Museu Paula Rego, em Cascais, para receber o Prémio Boas Práticas ERASMUS+ 2018 relativo ao projeto ETIC_Algarve IN_Cluster (2016 e 2018), o segundo projeto ERASMUS+ desenvolvido pela escola.

ERASMUS+ é um programa da União Europeia voltado para as áreas da Educação, Formação, Juventude e Desporto (2014 a 2020), e tem como objetivo apoiar a concretização da Agenda Política Europeia para a justiça social e a inclusão, o crescimento e o emprego.

Desta forma, a ETIC_Algarve desenvolveu o projeto ETIC_Algarve IN_Cluster (2016 e 2018) que teve como objetivo dotar a sua equipa de conhecimento de boas práticas na formação e gestão pedagógica ministrada nas escolas e centros de formação europeus nas áreas do audiovisual. Pois "conhecer as suas realidades, a sua gestão de projetos e métodos pedagógicos são para nós eixos fundamentais para que estejamos equiparados ao que de melhor se faz nestas áreas de formação, abrindo desta forma novas portas de conhecimento e oportunidades aos formandos", afirma Nuno Ribeiro, diretor da ETIC_Algarve.

O projeto teve a duração de 18 meses e contou com a participação de 18 membros entre formadores, equipa técnica e pedagogia cujas áreas de formação correspondem à oferta formativa da ETIC_Algarve: Web e Comunicação, Design, Videojogos, Vídeo, Fotografia, Som e Música; e com escolas parceiras de Espanha (School of Film and Sound - Training School, L'Idem Barcelona e ESART Escuela Superior de Artes Escénicas y Producción Musical em Barcelona), Itália (Centro Studi Formazione Orientalmente e Rome Business School), França (L'Idem France) e República Checa (Prague College).

Foram ainda resultados deste projeto, a assinatura de um Protocolo com a Prague College para acesso a um 3º ano em Praga com a certificação final de licenciatura, nível VI aos alunos dos cursos de 2 anos Vídeo, Design e Fotografia; a criação de um novo Curso Técnico de 1 ano na área de Formação de Atores; o intercâmbio de formadores com IDEM e Prague College para Workshops e desenvolvimento de projetos conjuntos e formação internacional nas áreas criativas aos formandos sem saírem em mobilidade. 

A par da distinção atribuída à ETIC_Algarve, que segundo a Agência Nacional Erasmus+ Educação e Formação deve-se ao fato de esta escola "ter sido capaz de ultrapassar os desafios que se lhe depararam na implementação dos projetos e tendo apresentado execução física e financeira de cerca de 100%", foram ainda entregues mais dois prémios de Boas Práticas no setor do Ensino e Formação Profissional.

Fonte: ETIC_AlgarveEticPremioEticPremio1

A campanha “Carros Sem Fumo”, que decorreu em âmbito escolar em todo o país entre novembro de 2017 e junho de 2018, impactou 141 mil alunos de 250 instituições de ensino e respetivos agregados familiares, com o objetivo de alertar a população infantil para o impacto nocivo de fumar no interior de viaturas.

Promovida pela Liga Portuguesa Contra o Cancro (LPCC) em parceria com o Automóvel Clube de Portugal (ACP), a iniciativa apela a um comportamento responsável em torno do consumo do tabaco dentro do automóvel, com especial preocupação no impacto que este ato tem sobre crianças e idosos. Para além de ações de sensibilização nas escolas, a iniciativa envolveu a distribuição de folhetos e autocolantes para carros, bem como a divulgação nos canais de comunicação do ACP e da LPCC, focando-se nas crianças como veículos influenciadores junto dos pais.

A iniciativa levou a que o ACP realizasse um estudo entre os seus associados, em 2017, que evidenciou que ainda existe muito trabalho por fazer na sensibilização dos portugueses para a redução do consumo de tabaco, em particular quando se deslocam de carro.

Os principais resultados deste inquérito revelaram que:

  1. 90 por cento dos inquiridos desconhecem que o nível médio de partículas tóxicas libertadas pelo tabaco, numa viagem de carro, e que são respiradas pelos ocupantes, é cinco vezes superior à média das partículas tóxicas no ar, mesmo nas cidades mais poluídas.
  2. Mais de 50 por cento dos fumadores afirmaram fumar dentro da sua viatura
  3. mais de dez por cento dos inquiridos deslocaram-se, pelo menos uma vez, nos 30 dias anteriores ao inquérito, numa viatura em que esteve alguém a fumar na presença de um não fumador.
  4. Apenas 20 por cento dos inquiridos sabe que 85 por cento do fumo passivo é invisível e sem odor;

FICHA TÉCNICA SOBRE ESTUDO

UNIVERSO:

Famílias Portuguesas, com pelo menos um veículo no lar.  Os inquiridos são indivíduos residentes em Portugal que se identificam como chefes de família, de ambos os sexos e com 18 ou mais anos. As famílias foram estratificadas tendo por base as referências censitárias.

RECOLHA DE INFORMAÇÃO:

Metodologia Quantitativa, por meio da realização entrevistas telefónicas em filosofia CATI – Computer Assisted Telephone Interviewing, conduzidas com validação automática e suportadas por sistema Auto Dial. Foram cumpridas quotas representativas da população, com base numa matriz que cruza as variáveis: distrito e dimensão do agregado

AMOSTRA:

A amostra total obtida é de 625 famílias. Este valor traduz um grau de confiança de 95,5%, com uma margem de erro de ± 4,00%.  A recolha da informação foi da responsabilidade da Pitagórica. A amostra foi recolhida entre os dias 29 de agosto a 7 de setembro de 2017.

Fonte: LPMFumarAutomovel

A Surfrider Foundation Europe, organização mundial sem fins lucrativos dedicada à proteção e valorização de lagos, rios, oceanos, ondas e do litoral assinala o Dia Nacional do Mar deste 16 de Novembro, com a consulta pública intitulada 'Voice for the Ocean'. Esta ação levanta questões relacionadas com o mar identificadas como prioritárias para a agenda política dos futuros deputados europeus que serão eleitos nas próximas eleições parlamentares de 2019.

Responder ao questionário online requer apenas cerca de dez minutos, e está aberto a qualquer cidadão maior de 18 anos.

No dia Nacional do Mar, a Surfrider convida os cidadãos a conhecer as suas prioridades para a proteção do mar, através deste questionário online. No final desta consulta pública, serão apresentadas propostas concretas relativas a esta problemática, aos futuros deputados europeus. O objetivo é que estes se comprometam a integrá-las nos seus programas.

Recentemente, a ONG esteve no Porto, nos dias 9 e 10 de Novembro, onde dinamizou um evento com base na discussão de temas em torno das alterações climáticas e da poluição dos oceanos que afetam a costa Portuguesa – foram organizadas várias mesas redondas com o intuito de debater formas para melhorar a proteção dos oceanos e sensibilizar a população mas, principalmente, os candidatos ao Parlamento Europeu acerca do tema.
Este evento contou com a presença de alguns nomes de peso do mundo do surf e da política, tais como: Tiago "Saca" Pires, Hugo Vau, João Jardim Aranha (Presidente da Federação Portuguesa de Surf), Vasco Becker Weinberg (Especializado em Direito do Mar) e Ricardo Serrão Santos, membro do Parlamento Europeu.De acordo com João Jardim Aranha, Presidente da Federação Portuguesa de Surf: "as ondas são um recurso natural precioso e o surf precisa de ser regulado de forma a preservar o oceano e garantir este desporto de uma forma sustentável".
A preservação dos oceanos torna-se uma prioridade nos dias que correm sendo que o mar, além de local de lazer e playground para tantas atividades desportivas como o surf, é também uma enorme fonte de investimento e rendimento empresarial. Com isto, torna-se necessário entender que, tal como afirma o Prof. Vasco Becker Weinberg, "temos que nos desafiar e parar de colocar barreiras e, só assim, iremos vencer. Pois o que acontece no mar afeta-nos a todos, onde quer que estejamos. É por este motivo que nos devemos juntar com as pessoas que partilham esta mesma preocupação".
Com o aumento da temperatura do oceano, como consequência das alterações climáticas, estima-se que as ondas se tornem cada vez mais pequenas em quase 40% do planeta.
A consulta pública irá decorrer até meados de Janeiro. Dê a sua voz ao oceano!

Sobre a Surfrider Europe
A Surfrider Foundation Europe é uma organização ambiental sem fins lucrativos, criada em 1990 em França (Biarritz). Durante a sua existência, adquiriu experiência nas áreas de investigação e ação local, bem como na criação e distribuição de ferramentas educativas. Hoje tornou-se numa rede de 700 voluntários, 10.500 membros e 120.000 apoiantes em aproximadamente quarenta capítulos locais, que estão ativos em nove países europeus. Saiba mais: www.surfrider.eu  

Fonte: Canela PRDiadoMar2


 

 

A Associação Portuguesa de Apoio à Vítima apresenta o relatório "Estatísticas APAV: Crimes de Violência Doméstica | Violência Filioparental 2013-2017". Neste período, a APAV abriu 3.387 processos de apoio relativos a violência filioparental, nos quais se contabilizaram 7.076 factos criminosos.

A violência filioparental caracteriza-se por atos violentos e intencionais de filhos em relação aos pais – envolvendo ameaça, intimidação e domínio para a obtenção de controlo e poder. Dos factos criminosos contabilizados, 6.627 (94%) correspondem a crimes de violência doméstica em sentido estrito (atos criminais enquadráveis no art. 152º, como maus tratos físicos, maus tratos psíquicos, ameaça, coação, injúrias, difamação e crimes sexuais).

A vergonha e a manutenção do mito da harmonia familiar favorecem o secretismo em torno do problema, o que tem contribuído para uma intervenção menos desenvolvida neste campo do que noutros tipos de violência intrafamiliar (como o abuso/negligência dos filhos ou a violência entre parceiros íntimos).

A violência filioparental não é um problema individual ou uma questão restrita ao contexto familiar; é um problema social, de justiça e de saúde pública. A APAV tem vindo a alertar a sociedade portuguesa para esta realidade, ainda obscura, da violência doméstica praticada pelos filhos contra os pais.

Nos dados agora apresentados, 81,69% das vítimas são do sexo feminino. Cerca de 48% dos pais vítimas de violência doméstica tinham 65 ou mais anos de idade. Na maioria dos casos, o autor do crime é do sexo masculino (68,65%) e com idades compreendidas entre os 36 e os 45 anos (17,7%). Destaca-se que o número de autores e autoras de crime (3.579) ultrapassou, no período em questão, o número de vítimas (3.369).

A violência doméstica, também na forma da violência filioparental, é um crime público que não pode ser remetido ao silêncio.

A APAV está disponível para ajudar através de diferentes serviços, nomeadamente através da Linha de Apoio à Vítima - 116 006 (dias úteis, 9h-21h) – o número gratuito e confidencial de apoio da APAV.

Estatísticas APAV: Crimes de Violência Doméstica | Violência Filioparental 2013-2017 (PDF)

Fonte: APAVViolenciaFilioparental

 

A Web Summit, que decorreu na semana passada em Lisboa, colocou a capital portuguesa no centro das atenções dos órgãos de comunicação social de todo o mundo. Em pouco mais de um mês, Lisboa foi citada em 8.195 notícias em meios online de mais de 110 países.

Segundo um estudo da Cision, os Estados Unidos foram o país que mais destaque deu ao evento organizado por Paddy Cosgrave. Entre 1 de outubro e 9 de novembro, foram publicados 2.769 artigos em meios norte-americanos, cerca de um terço do total.

A Espanha foi o segundo país com mais notícias sobre o evento, somando 634 menções. Seguiu-se o Reino Unido, com 361, o Brasil, com 350, a França e a Alemanha, ambas com 326. Áustria, Canadá, Itália e Índia completam o top-10, todas com mais de 150 menções.

Em Portugal, esta nova edição da conferência também foi acolhida entusiasticamente pelos media, que lhes dedicaram mais de seis mil notícias desde 1 de outubro: 4.312 na internet, 520 em meios impressos, 936 em televisão e 287 na rádio. Nas televisões nacionais, a Web Summit ocupou cerca de 53 horas de tempo de antena, a que se somam mais de 12 horas e meia de emissão na rádio.

Estes dados de exposição mediática juntam-se a outros que dão conta da dimensão global da cimeira: este ano estiveram em Lisboa para este evento cerca de 70 mil pessoas de 170 países. Segundo dados da organização, foram acreditados 2.500 jornalistas portugueses e estrangeiros. O Governo estima em 300 milhões de euros a atividade económica gerada pela Web Summit.

O objeto de análise deste estudo realizado pela Cision – empresa líder global em serviços e software de pesquisa, monitorização e análise de media – foram todas as notícias com referência a Web Summit e Lisboa veiculadas nos mais de dois mil meios de televisão, rádio, imprensa e online que compõem o espaço editorial português e em mais de 120 mil meios de informação online de 190 países monitorizados regularmente pela Cision, pesquisados entre os dias 1 de outubro e 9 de novembro de 2018.

Fonte: CISIONWebSummit2018

Iniciativa é promovida pelo Governo italiano, decorrendo em mais de 150 países em simultâneo. Em Portugal, o evento chega a três cidades

A Semana da Cozinha Italiana no Mundo, iniciativa promovida pelo Governo italiano, arranca a sua terceira edição no próximo dia 19 de novembro, decorrendo em mais de 150 países em simultâneo, com o objetivo de celebrar a excelência do Made in Italy agroalimentar, através da organização de cerca de mil atividades. Em Portugal, o evento terá uma data mais alargada, de 16 a 28 de novembro, passando pelas cidades de Lisboa, Porto e Loulé, com 13 iniciativas e um total de 17 restaurantes italianos que se juntam ao evento com a apresentação de menus especiais, baseados no conceito “The Extraordinary Italian Taste”.

A Semana da Cozinha Italiana no Mundo apresenta em Portugal um programa recheado de atividades que colocam em destaque regiões e territórios de origem de produtos italianos, assim como a dieta mediterrânica. Degustações de produtos, workshops, provas de vinhos, showcookings, jantares e ainda uma conferência com o tema “Dieta Mediterrânica – Definição, relação com a saúde e adesão” são algumas das iniciativas promovidas, fazendo chegar a território nacional reputados chefes italianos – entre os quais, Pasquale Laera, distinguido com uma estrela Michelin – e individualidades de destaque como o campeão de vela Raimondo Cappa ou Raffaele Tiberino, cuja empresa familiar prepara refeições para a Estação Espacial Internacional.

A iniciativa é concebida pelo Ministério dos Negócios Estrangeiros e da Cooperação Internacional com um grupo de trabalho que envolve o Ministério das Políticas Agrícolas, Alimentares e Florestais, o Ministério da Educação, da Universidade e da Investigação e o Ministérios dos Bens e Atividades Culturais, contando ainda com todas as instituições públicas e privadas embrenhadas na promoção Made in Italy e da cozinha italiana. Em Portugal, as iniciativas são da responsabilidade da Embaixada de Itália em Portugal, Instituto Italiano de Cultura de Lisboa, Câmara de Comércio Italiana para Portugal, e associação ASCIP – Dante Alighieri do Porto, contando ainda com o apoio institucional da Câmara Municipal de Lisboa.

Programa assinala os 150 anos da morte de Rossini

Com o mote “Rossini à mesa”, a Embaixada de Itália em Portugal vai dedicar um jantar, no dia 20 de novembro, a Gioacchino Rossini, associando-se às celebrações que decorrem em todo o mundo nos 150 anos da sua morte. Tendo sido um grande compositor, Rossini foi também um apreciador da boa mesa. O jantar será realizado pelo Chef Pasquale Laera, contando ainda com a participação da mezzo-soprano Joana Dinis da Fonseca e do pianista Alessio Vellotti.

Também a cidade do Porto tem um momento destinado a homenagear Rossini, no dia 17 de novembro, com um jantar concerto, na Escola de Hotelaria e Turismo do Porto, às 20h00. O espetáculo terá como cabeças de cartaz o pianista Marco Brescia e a soprano Rossella Orsini, juntamente com outros músicos convidados, que vão apresentar um programa dedicado ao compositor italiano. Já o menu do jantar, da delegação de Chef da FIC (Federazione Italiana Cuochi Regione Lazio), liderada pela Presidente Graziella Sangemi, vai apresentar receitas rossianas para celebrar o Maestro. A reserva deve ser feita para o contacto Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar..

Um estrela Michelin e regiões da Úmbria e Nápoles em destaque

São sete as iniciativas promovidas em Lisboa, no âmbito da Semana da Cozinha Italiana no Mundo. No dia 19 de novembro, o Instituto Italiano da Cultura conta com a presença do jornalista, escritor e professor Davide Paolini, o italiano responsável pelo registo, em 1999, a partir da transmissão na rádio 24, de Gastronauta®, de uma marca que define quem escolhe “comer com a própria cabeça”, sem de deixar influenciar pelos lugares comuns. 

O momento, que tem início às 18h30, prossegue com a apresentação da região italiana da Úmbria, em especial a Valle Umbra e Valnerina, pela instituição Ati3Umbria, que integra uma degustação de vários produtos, entre os quais vinhos DOC e DOCG Sagrantino di Montefalco, açafrão de Cascia e Presunto de Norcia IGP. A iniciativa é de entrada gratuita, sendo necessária uma reserva prévia, através do e-mail Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar..

Ainda no âmbito desta localidade italiana, o Instituto Italiano de Cultura vai também receber, no dia 20, um workshop de cozinha regional da Úmbria. O momento contará com a presença da Agri-chef Maria Zappelli e pelos Chefes Fabrizio Gentili e Gigi Catana, que vão confecionar pratos típicos, como o creme de aipo preto, a sopa de lentilhas, strangozzi, creme de grão com açafrão. O workshop tem o preço de 15 euros e decorre entre as 11h00 e as 13h00. A inscrição deve ser feita para o e-mail Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar..

O Chef com estrela Michelin, Pasquale Laera, será responsável por um workshop sobre formatos de massa, preparando spaghetti com bottarga e avelãs. O momento irá decorrer na Escola Superior de Hotelaria e Turismo do Estoril (ESHTE), no dia 21, destinando-se aos alunos daquela instituição de ensino. Ainda nesse dia, às 19h00, o Instituto Italiano de Cultura recebe Raimondo Cappa – vencedor de duas competições mundiais, em 1989, em Nápoles – que vai apresentar o Reale Yacht Club Canottieri Savoia de Nápoles, fundado pelo seu avô, em 1893. Posteriormente, haverá uma degustação de práticos típicos da tradição culinária napolitana que se costumam comer a bordo, como a frittata de massa, mozzarella in carrozza e o gattò de batatas, preparados pela Chefe Necci Bertini em colaboração com o Chef Giuseppe Godono. A entrada é livre, mediante reserva para o e-mail Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar..

A Chef Necci Bertini vai estar presente num segundo momento, com um workshop no Instituto Italiano de Cultura, entre as 11h00 e as 13h00, com a preparação de pratos típicos napolitanos, onde vão “brilhar” a parmigiana de beringelas e o sartù de arroz. A participação no workshop é feita mediante inscrição para o e-mail Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar. e tem um preço de 15 euros por pessoa.

Menus na Estação Espacial também têm assinatura Made In Italy

Já no dia 23 de novembro, o Instituto Italiano de Cultura recebe Raffaele Tiberino que irá contar a história da empresa familiar, iniciada em 1888, na cidade de Bari, e que desde 2007 prepara os menus italianos para os astronautas da Estação Espacial Internacional. De entrada livre, mediante inscrição (para o contacto Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.), o momento integra também uma degustação de produtos da região Apúlia, tais como a Fregola ai peperoni e as Orecchiette baresi con le cime di rapa, preparada por Raffaele Tiberino e Luciana Pagliara, com a colaboração do Chef Luca Salvadori.

Reconhecidos internacionalmente pela sua qualidade de excelência, os vinhos italianos vão também ter destaque na Semana da Cozinha Italiana. Assim, para sublinhar a importância destes produtos para o país, a Câmara de Comércio Italiana para Portugal, organiza uma prova de vinhos italianos, em colaboração com importadores portugueses. A prova, que se realiza no dia 28 de novembro, às 18h30, é de entrada livre, estando sujeita à disponibilidade de lugares mediante reserva para o e-mail Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar..

Workshop de carving e conferência sobre a dieta mediterrânica

No Porto, as iniciativas da Semana da Cozinha Italiana no Mundo começam mais cedo, com um workshop dedicado ao carving, ou seja, à escultura e decoração culinária. O momento tem início às 14h30 e contará com a presença da Chef Graziella Sangemi – campeã do mundo de carving – e da sua equipa, dando a conhecer esta técnica aos alunos daquela instituição de ensino.

No seguimento do destaque que as entidades envolvidas em Portugal para a promoção do evento querem atribuir à importância da dieta mediterrânica, a Reitoria da Universidade do Porto recebe, às 9h30, do dia 23, uma conferência com o tema “Dieta Mediterrânica – Definição, relação com saúde e adesão”. Integrando dois painéis de discussão, a conferência contará com a presença de Sara Rodrigues – professora da Faculdade de Ciências da Nutrição e Alimentação da Universidade do Porto (FCNAUP) – e do médico Cláudio Pulcini, nascido em Roma e que vive atualmente no Porto. De entrada livre, a iniciativa realiza-se em parceria com a Reitoria da Universidade do Porto, da FCNAUP e da Escola de Hotelaria e Turismo de Portugal.

Ainda no norte do país, de 19 a 25 de novembro, os restaurantes italianos da área metropolitana do Porto aderentes à iniciativa vão apresentar alguns pratos e vinhos considerados “embaixadores da cozinha do Bel Paese”, a um preço especial, através do mote “Rota dos Sabores – I’Italia a tavola”.

A terceira cidade portuguesa envolvida na Semana da Cozinha de Itália no Mundo, Loulé, irá acolher um showcooking com jantar, no dia 24 de novembro, às 19h00, no Mercado Municipal de Loulé. Realizada com o apoio da Região Abruzzo e do Pastificio de Cecco, a atividade terá a presença de um chef da Scuola Villa S. Maria Abruzzo, de Itália, para o momento de showcooking. Já o jantar, com disponibilidade para 60 lugares, conta com a participação do desenhador Lucio Trojano que irá fazer caricaturas dos participantes.

Fonte: Central de InformaçãoCozinhaItaliana2CozinhaItaliana3CozinhaItaliana4

Na próxima quinta-feira, dia 15 de novembro, a APAV Açores promove em Lagoa as V Jornadas APAV Açores contra a Violência. O Cine Teatro Lagoense foi o espaço escolhido para albergar esta iniciativa.

Após quatro edições, Lagoa será pela primeira vez palco de discussão e reflexão partilhadas com vários parceiros, sobre temáticas do âmbito do apoio a vítimas de crime e da prevenção da vitimação e da violência.  Na quinta edição das jornadas serão abordadas três áreas principais: violência filioparental, apoio online a vítimas de crime e violência contra pessoas com deficiência intelectual e/ou multideficiência.

Do programa do evento destaca-se um vasto painel de especialistas: Catarina Machado (coordenadora do Serviço Ação Social da Câmara Municipal de Lagoa), Maria José Martins (representante da Segurança Social na Rede Regional de Cuidados Continuados), Sónia Sousa Braga (juíza de Direito do Juízo de Família e Menores de Ponta Delgada do Tribunal Judicial da Comarca dos Açores), Joana Quental Vasconcelos (psicóloga/terapeuta familiar no Centro de Terapia Familiar e Intervenção Sistémica), Pedro Gomes (psicólogo clínico na Associação de Promoção de Públicos Jovens), Ana Filipa Nabais e Rui Melo (Associação Seara de Trigo), Manuela Santos, Maria Chaves Martins e Raquel Rebelo (APAV) e Maria de Oliveira (coordenadora executiva do Centro de Formação APAV).

Com início marcado para as 9.30, a sessão de abertura arranca na voz de representantes da Secretaria Regional da Solidariedade Social e da Câmara Municipal de Lagoa.

As Jornadas estendem-se ao longo do dia e terminam com uma sessão de encerramento, marcada para as 16.45, com a presença de Sílvia Branco, gestora da APAV Açores.

Para mais informações: Emanuela Braga | APAV Açores - 296 285 399 | Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

Fonte: APAVJornadasAPAVAcores

A ATA participa nos Workshops a ter lugar nas cidades polacas de Wroclaw e Warsaw, organizados pelo Turismo de Portugal, em colaboração com a Câmara de Comércio Polónia-Portugal, nestas cidades Polacas, de 21 a 22 de novembro.

Nestas iniciativas, a ATA faz-se acompanhar de alguns dos seus associados que irão reunir-se com agentes de viagens, operadores turísticos e jornalistas daquele mercado.

A Polónia, manteve o ritmo de crescimento em relação a 2016, continuado a ser um dos mercados em crescimento para o Algarve. Em 2017 registou um aumento de +13.6% face ao período homólogo, correspondendo a +7.188 hóspedes. Em 2018, até ao mês de Agosto, existe um ligeiro decréscimo de 1,8% YoY. No que se refere ao número de dormidas aumentou +9,9% no mesmo período, correspondendo a +24.877 dormidas em relação a 2017.

Produto: Sol e Mar
Mercado: Polónia

Fonte: ATAATA

A Unidade de Controlo Costeiro (UCC), através de militares destacados na ilha de Samos-Grécia, no âmbito da missão da Agência Europeia de Fronteiras e Guarda Costeira (FRONTEX), dia 03 de novembro, através de sistemas de visão térmica, detetou 70 migrantes que efetuaram a travessia do mar Egeu.

A equipa terrestre de vigilância marítima da UCC, designada de Thermal Vision Vehicle (TVV), após ter recebido um pedido de apoio, por parte das autoridades gregas, para participar numa operação de busca e resgate, para localizar uma embarcação com 45 migrantes, os militares percorreram a zona de costa, na ilha de Samos, tendo detetado os migrantes já em terra.  

Ainda no decurso do patrulhamento a equipa manteve a vigilância marítima com recurso aos equipamentos de visão térmica, acabando por detetar no mar Egeu, rumo à fronteira da Grécia, uma pequena embarcação insuflável com 25 migrantes a bordo.

A deteção por parte dos militares da GNR possibilitou que os 70 migrantes fossem resgatados em segurança e encaminhados para as autoridades helénicas.

A GNR, nesta missão da FRONTEX, desenvolve ações nas fronteiras terrestres e marítimas com a finalidade de prevenir, detetar e reprimir ilícitos relacionados com a imigração ilegal, tráfico de seres humanos e outros crimes transfronteiriços, contribuindo fundamentalmente para a salvaguarda de vidas humanas.

Fonte: GNR-DCRPGNR Div Com Rel Publicas

A Associação Turismo do Algarve volta a marcar presença no World Travel Market, de 05 a 07 de novembro, o segundo maior certame da indústria turística mundial ao qual cerca de 50.000 profissionais acorrem todos os anos, gerando negócios na indústria no valor de £2.500 bilhões.

A área total de exposição será de 42.578m2 e conta-se com a presença de 698 stands representando 5.000 empresas e 182 países, durante os 3 dias de exposição. 

O Algarve está presente no evento com um módulo de destino integrado no stand de Portugal, localizado no North hall - N6, stand EU 1100 e faz-se acompanhar com a maior delegação de sempre do Algarve com 25 empresas associadas desta ARPT, sendo igualmente a maior representação regional no stand.

Produto: Sol e Mar
Mercado: Reino Unido

Fonte: ATAATA

Uma equipa de médicos da Associação Portuguesa de Cirurgia Ambulatória (APCA) realizou esta terça feira, dia 30 de outubro, na região de Nampula, as primeiras cirurgias ambulatórias feitas em Moçambique, operando 2 pacientes pediátricos e 2 adultos. Os pacientes foram submetidos a intervenção cirúrgica de manhã e tiveram alta ao final da tarde, no Hospital Central de Nampula.

“Estas cirurgias inserem-se no curso de formação de cirurgia ambulatória, que decorrerá em Nampula, Beira e Maputo, até ao dia 6 de novembro, e que conta com a participação de 191 profissionais de saúde”, refere Carlos Magalhães, presidente da APCA. O curso de formação pretende ser um importante contributo para a implementação da Cirurgia Ambulatória em África.

O curso é organizado pela APCA, em conjunto com a Associação Internacional de Cirurgia Ambulatória (IAAS) e com a Associação de Saúde para as Crianças e Famílias Moçambicanas (Health 4Moz).

No Hospital Central de Nampula, a APCA reconhece toda a colaboração e apoio do Diretor do Hospital, Dr. Cachimo Mulima, da Diretora Clínica Dra. Bainabo Sahal e dos Cirurgiões Dércio Fernandes e Cirurgiã Pediátrica Dra. Dalva Khosa.

A cirurgia em regime de ambulatório tem tido, nos últimos anos, em Portugal, um desenvolvimento positivo, sendo que o principal fator de sucesso e desenvolvimento tem sido a sua característica multidisciplinar, envolvendo diferentes grupos profissionais, assim como a garantia de segurança e de elevados índices de qualidade no tratamento dos nossos doentes.

A Associação Portuguesa de Cirurgia Ambulatória (APCA), que comemora este ano o seu 20º aniversário, tem como principal objetivo defender, promover e protagonizar o processo de evolução da cirurgia de ambulatório em Portugal. Para mais informação, consulte: http://www.apca.com.pt/

Fonte: MiligramaPrimeiraCirurgiaNampula

A Unidade de Controlo Costeiro (UCC), através de militares destacados na Grécia, no âmbito da missão da Agência Europeia de Fronteira e Guarda Costeira (FRONTEX), hoje, dia 29 de outubro, resgatou e auxiliou 50 migrantes, na Grécia.

No âmbito de um patrulhamento marítimo, junto à ilha de Ro, Grécia, os militares, através de um equipamento de visão térmica, detetaram uma embarcação com vários migrantes a bordo, deslocando-se de imediato para o local. Os militares verificaram que se tratava de uma embarcação de borracha sem condições de navegabilidade, estando danificada e à deriva. A embarcação transportava 27 migrantes, dos quais duas crianças, uma mulher e 24 homens.

Tendo em consideração as condições do mar e os danos que a embarcação apresentava, foi efetuada uma operação de busca e salvamento, tendo os migrantes sido transportados em segurança na embarcação portuguesa, para o Porto de Kastellorizo.

Ainda esta madrugada, na ilha de Kos, uma patrulha de vigilância terrestre da GNR, detetou uma embarcação a alta velocidade proveniente da Turquia, em direção à ilha, acabando por ser intercetada pelos militares, na praia, o que permitiu identificar o facilitador e auxiliar os 23 migrantes que vinham a bordo (seis crianças, oito mulheres e nove homens).

A GNR, nesta missão da FRONTEX, desenvolve ações nas fronteiras terrestres e marítimas com a finalidade de prevenir, detetar e reprimir ilícitos relacionados com a imigração ilegal, tráfico de seres humanos e outros crimes transfronteiriços, contribuindo fundamentalmente para a salvaguarda de vidas humanas.

Fonte: GNR-DCRPGNR50Migrantes1GNR50Migrantes3GNR Div Com Rel Publicas

 

Formação pioneira arranca hoje. A Associação Portuguesa de Cirurgia Ambulatória (APCA) vai promover um curso de formação pós-graduada, de 26 de outubro a 6 de novembro, dirigido a profissionais de saúde de Moçambique. Esta iniciativa é organizada pela APCA, em conjunto com a Associação Internacional de Cirurgia Ambulatória (IAAS) e com a Associação de Saúde para as Crianças e Famílias Moçambicanas (Health 4Moz).

“O principal objetivo desta iniciativa é ajudar a formar profissionais de saúde para que posteriormente estes possam criar programas de Cirurgia de Ambulatório nos principais hospitais de Beira, Nampula e Maputo. Esperamos contribuir positivamente para a implementação da cirurgia ambulatória em Moçambique, como aconteceu no início deste ano em Cabo Verde”, explica Carlos Magalhães, presidente da APCA.

O curso decorrerá em diferentes dias nas três regiões e contará com 191 profissionais de saúde de todo o país. Serão abordados temas como a avaliação e preparação do paciente para uma cirurgia ambulatória, as vantagens da cirurgia ambulatória para adultos e crianças, a avaliação e os procedimentos cirúrgicos em ambulatório, entre outros temas.

Entre os formadores estão os especialistas portugueses Carlos Magalhães, Paula Sarmento, Vicente Vieira e Célia Castanheira. A coordenação nacional do curso está a cargo de Manuel Simão, da Ordem dos Médicos de Moçambique, e a nível regional é uma responsabilidade de Dércio Fernandes (Nampula), Leonildo Soares (Beira) e Carlos Selemane (Maputo). Carla Rêgo preside a Associação de Saúde para as Crianças e Famílias Moçambicanas (Health 4Moz).

A inscrição e participação nesta formação é gratuita. Para mais informações, contacte Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar..

A cirurgia em regime de ambulatório tem tido, nos últimos anos, em Portugal, um desenvolvimento positivo, sendo que o principal fator de sucesso e desenvolvimento tem sido a sua característica multidisciplinar, envolvendo diferentes grupos profissionais, assim como a garantia de segurança e de elevados índices de qualidade no tratamento dos nossos doentes.

A Associação Portuguesa de Cirurgia Ambulatória (APCA), que comemora este ano o seu 20º aniversário, tem como principal objetivo defender, promover e protagonizar o processo de evolução da cirurgia de ambulatório em Portugal. Para mais informação, consulte: http://www.apca.com.pt/.

Fonte: MiligramaCursoMocambique

Os troços algarvios da Serra de Monchique vão receber nos próximos dias 15 e 17 de novembro a derradeira etapa do Campeonato Nacional de Ralis numa jornada também elegível para a European Rally Trophy Final. Miguel Barbosa a cumprir a sua terceira época de ralis depois de sete títulos nacionais conquistados no todo-o-terreno parte apostado em fechar com chave de ouro uma temporada onde esteve sistematicamente entre os mais rápidos do CNR.

Fazendo dupla com Hugo Magalhães, aos comandos do Skoda Fabia R5, o piloto do BP Ultimate Vodafone Skoda Team que tem sido um dos mais principais intervenientes do Campeonato vai lutar pela vitória numa corrida disputada em troços de asfalto e onde não participou no ano passado

"É a última corrida de uma temporada onde sinto que crescemos bastante. Parto como sempre apostado em lutar pela vitória. Seria excelente terminar um ano no qual toda a minha equipa e eu trabalhámos muito para evoluir e estar sempre entre os mais rápidos. É uma prova que apenas disputei uma vez na minha primeira temporada nos ralis, mas que preparámos muito bem com o objetivo de conseguir o triunfo", salienta Miguel Barbosa.

O rali organizado pelo Clube Automóvel do Algarve tem início sexta-feira, dia 16 pelas 13h30m, quando os concorrentes arrancarem para a primeira etapa que contempla uma dupla passagem pelos troços de Alferce e Foia, antes de se disputar a super-especial que terá lugar em Lagos pelas 21 horas.

No dia seguinte cumpre-se a segunda etapa, de seis classificativas. O percurso inclui uma dupla passagem pelos troços de Chilrão, Nave Redonda e Monchique.

Fonte: A2 ComunicaçãoRallyMiguelBarbosa2RallyMiguelBarbosa3

Organizado pelo Clube Automóvel de Portugal, o "Rallye Casinos do Algarve" realiza-se dias 16 e 17 de novembro, com partida da Rua Vasco da Gama, Zona envolvente à Câmara Municipal de Lagos.

O Rallye Casinos do Algarve vai para a estrada a 16 e 17 de novembro, tendo sido mais uma vez escolhido pela Federação Internacional do Automóvel (FIA) como palco da Final do European Rally Trophy, competição que congrega os melhores classificados dos troféus regionais europeus de ralis. A prova será também palco da última ronda do Campeonato Português de Ralis, da Peugeot Rally Cup Ibérica, recebendo também a caravana do Campeonato Sul de Ralis, competições que conhecerão aqui os seus vencedores.
Face a edições anteriores e para criar um desafio diferente aos pilotos que nos visitam, o rali conhece um novo figurino na disposição das provas de classificação pela serra de Monchique, com os troços de Alferce e Foia, percorridos por duas vezes, a decorrem no dia 16, ficando para o dia seguinte as duas passagens por Nave Redonda, Monchique e Chilrão. De destacar também a super- especial noturna traçada nas ruas de Lagos no dia 16 à noite.
Outra novidade para este ano é a relocalização dos parques fechado e de assistência para o Pavilhão do Arade, com o município de Lagoa a receber também o shakedown, a realizar na zona de Porches, e a partida cerimonial, que terá lugar junto do Auditório Municipal. O Centro Operacional do Rali e o pódio final serão no Hotel Algarve Casino na Praia da Rocha.
Fonte: Mun de Lagos
RallyeCasinosAlgarve

A Santa Casa da Misericórdia de Albufeira (SCMA), em parceria com o Núcleo Especializado para o Cidadão Incluso (NECI), vai organizar o IV Encontro Regional de Boccia para pessoas com deficiência ou incapacidade. O evento acontece, no dia 22 de novembro, no Pavilhão Desportivo de Albufeira.

A iniciativa visa promover um ambiente de competição entre portadores de algumas limitações cognitivas e/ou físicas, e serve para fomentar a prática desta modalidade de desporto adaptado na região do Algarve.

A ficha de inscrição está disponível no seguinte link .

A ficha deverá ser encaminhada para o email Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar. até ao dia 16 de novembro.

O IV Encontro Regional de Boccia conta com o apoio das seguintes entidades:

  • Município de Albufeira;
  • Instituto Português do Desporto e Juventude;
  • Iniciativa #BEACTIVE;
  • Agrupamento de Escolas de Albufeira:
  • Programa Nacional de Desporto para Todos;
  • Associação Teia D'Impulsos;
  • Segmentódromo Luís Fernandes;
  • Restaurante Mc Donald's de Albufeira;
  • Gráfica Printex;
  • Aviludo;
  • Essity;
  • DOP - Gráfica Digital.

Fonte: Misericórdia AlbufeiraEncontroBoccia

Albufeira vai ser palco de um dos jogos decisivos para a Seleção Nacional de Basquetebol. No próximo dia 2 de dezembro, a equipa das Quinas defronta a Bélgica na corrida para o apuramento para o EuroBasket 2021. A partida vai ter lugar no Pavilhão Desportivo de Albufeira, às 17h00, com transmissão em direto na RTP2. Os bilhetes serão disponibilizados a partir do dia 20 de novembro e poderão ser adquiridos junto dos clubes de basquetebol locais ou no pavilhão.

Albufeira foi a cidade escolhida para acolher o primeiro jogo da FIBA em masculinos no Algarve. A Seleção Nacional de Basquetebol de seniores, primeira classificada do Grupo C com uma vitória e uma derrota, defronta a Bélgica a 2 de dezembro, no Pavilhão Desportivo de Albufeira, às 17h00.

A equipa orientada por Mário Gomes, Nuno Manarte e Sérgio Ramos inicia o estágio em Albufeira a 26 de novembro, que se prolonga até ao dia do jogo decisivo para a Seleção das Quinas no apuramento para o EuroBasket 2021.

Na Bélgica, na ronda inaugural, a Seleção Portuguesa perdeu por apenas um ponto (66-65). Depois do Portugal vs. Bélgica, as contas do grupo C fecham a 21 de fevereiro de 2019, com a deslocação lusa à Islândia.

O basquetebol é uma das modalidades que mais se tem destacado em Albufeira. Com mais de 360 atletas praticantes, o Município acolhe anualmente as Festas do Basquetebol Juvenil, que trazem ao concelho cerca de 1200 representantes das várias seleções regionais dos escalões de sub-14 e sub-16 masculinos e femininos. Recorde-se que a cidade acolheu quatro edições da Supertaça da modalidade (2009, 2010, 2013 e 2014), com o Benfica a sagrar-se vencedor, respetivamente, contra o Ovarense, F.C. Porto, Vitória S.C. e Galitos.

Atualmente, Albufeira está representada na LPB Placard através de um dos clubes da terra- o Imortal Basket Club- que este ano entrou para a principal divisão do basquetebol, depois de conquistar o título de campeão nacional da Proliga 2017/2018.

Os bilhetes para o Portugal vs. Bélgica poderão ser adquiridos já a partir da próxima terça-feira, 20 de novembro, no Pavilhão Desportivo de Albufeira ou junto dos dois clubes do concelho que promovem a modalidade: o Imortal Basket Club e o Clube de Basquete de Albufeira. Cada bilhete terá o custo de 2 euros, montante revertível, em partes iguais, para ambos os clubes.

Fonte: GRP da CM AlbufeiraPortugalvsBelgica

Numa iniciativa promovida pelo Moto Clube de Albufeira, com o apoio da Câmara Municipal de Silves, a localidade do Enxerim recebe nos próximos dias 10 e 11 de novembro a 18.ª edição da Subida Impossível.

São dois dias repletos de forte emoção e muita adrenalina, onde se irão reunir largas dezenas de pilotos e milhares de espetadores, naquela que é considerada prova única na Península Ibérica ao convidar os mais arrojados e destemidos das duas rodas a percorrer no menor espaço de tempo 100m de uma subida quase impossível.

O dia 10 de novembro, sábado, é preenchido com um passeio de Moto TT, pelas 8h00, e pela 7.ª prova de Endurocross, a partir das 12h00. O domingo, como habitualmente, é o grande dia da Subida Impossível, onde os mais ousados mostrarão a sua coragem e habilidade a partir das 9h00.

Para os vencedores serão atribuídos prémios monetários que poderão variar entre os 100 e os 600 euros no âmbito da Subida Impossível e entre os 100 e os 300 euros na vertente Endurocross.

Mais informações poderão ser recolhidas junto do Moto Clube de Albufeira através dos telefones 964 122 279 e 966 023 255 ou email Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar..

Fonte: GRP do Mun SilvesSubidaImpossival

Selecionador Nacional anunciou os 25 jogadores escolhidos para os encontros da Liga das Nações frente a Itália e Polónia. Fernando Santos chamou 25 jogadores para os desafios para os jogos diante da Itália (5ª jornada da Liga das Nações) e Polónia (6ª jornada da Liga das Nações).

O encontro diante dos italianos está agendado para 17 de novembro, em Milão, às 19h45 (hora portuguesa), enquanto o desafio frente aos polacos será disputado, em Guimarães, a 20 de novembro, às 19h45.

Recorde-se que Portugal venceu as duas primeiras partidas da Liga das Nações frente a Itália, no Estádio da LUz, por 1-0, e na Polónia, por 3-2.  

Conheça as escolhas de Fernando Santos:

Guarda-redes - Beto (Goztepe), Cláudio Ramos (Tondela) e Rui Patrício (Wolverhampton)

Defesas - Cédric Soares (Southampton), João Cancelo (Juventus), Raphael Guerreiro (Borussia Dortmund), Luís Neto (Zenit), Mário Rui (Nápoles), José Fonte (Lille), Pepe (Besiktas) e Rúben Dias (Benfica)

Médios - Bruno Fernandes (Sporting), Danilo Pereira (FC Porto), André Gomes (Everton), Pizzi (Benfica), Renato Sanches (Bayern), Rúben Neves (Wolverhampton), João Mário (Inter) e William Carvalho (Bétis)

Avançados - Bernardo Silva (Manchester City), Bruma (RB Leipzig), Rafa Silva (SL Benfica), Éder (Lokomotiv Moscovo), Gonçalo Guedes (Valência) e André Silva (Sevilha).

O programa  da Seleção Nacional será revelado diariamente através do site fpf.pt, sabendo-se desde já que a concentração dos jogadores está marcada para a próxima segunda-feira, às 22h00, na unidade hoteleira que costuma acolher a Seleção Nacional.

Fonte: FPFFernandoSantos

Previsão Meteorológica | "on line"

Faro Portugal Partly Cloudy (night), 15 °C
Current Conditions
Sunrise: 7:12 am   |   Sunset: 5:21 pm
89%     30.6 km/h     34.203 bar
Forecast
SáB. Low: 15 °C High: 18 °C
DOM. Low: 12 °C High: 17 °C
SEG. Low: 11 °C High: 17 °C
TER. Low: 11 °C High: 16 °C
QUA. Low: 11 °C High: 16 °C
QUI. Low: 11 °C High: 15 °C
SEX. Low: 11 °C High: 15 °C
SáB. Low: 11 °C High: 16 °C
DOM. Low: 11 °C High: 15 °C
SEG. Low: 11 °C High: 16 °C

Parceiros

Mais Kizomba
UF Faro
Gente Gira Algarve
LOGOTIPO_Small
Faro 1540
Pens USB