Notícias

Grid List

O Município de São Brás de Alportel continua a sua aposta no apoio aos jovens do concelho que ingressam no ensino superior. Na reunião de Câmara, de 5 de fevereiro, foi aprovada a renovação de quatro bolsas de estudo.

A medida de atribuição e bolsas de estudo a alunos que ingressam o ensino superior foi lançada em 2011, dirigida a jovens são-brasenses que apresentam elevados resultados escolares e são provenientes de meios sociais com algumas dificuldades económicas. Trata-se de um apoio pecuniário, concedido em prestações mensais, num valor que equivale a 1/5 do salário mínimo nacional.

Ao longo de sete anos e num investimento superior a 26.000 euros, esta medida já permitiu apoiar muitos jovens são-brasenses a frequentar cursos superiores nas mais diversas áreas, tais como: Medicina, Gestão, Educação Social, Design de Comunicação, Desporto, Sociologia, Relações Internacionais, Enfermagem, Biotecnologia, Música, Arquitetura, Medicina Veterinária e Fisioterapia, em diversos estabelecimentos de ensino superior de todo o país.

Consciente de que estas bolsas de estudo constituem um contributo importante para o percurso de vida dos jovens do concelho, o executivo municipal renova ano após ano este projeto que integra as políticas municipais de juventude em São Brás de Alportel. Quando o estudante transita de ano, com bons resultados, a bolsa é renovada anualmente até ao final do curso.

As candidaturas ocorrem no início de cada ano letivo, em novembro, nos Serviços Sociais da Câmara Municipal, sediados no Centro de Apoio à Comunidade. A abertura do concurso para a atribuição de novas bolsas de estudo é publicada anualmente em edital e no site do município.

Fonte: GI da CM SBACamaraMunSBA

A Flash, a nova empresa europeia de micro-mobilidade, carregou baterias e acelerou rumo ao sul de Portugal, fazendo a sua entrada pela cidade de Faro, onde irá disponibilizar as suas trotinetes a partir de hoje, dia 18 de fevereiro.

A Flash anunciou há pouco menos de um mês que conseguiu reunir mais de 55 milhões de euros, na ronda A de financiamento, tornando-se neste momento na start-up ligada à micro-mobilidade mais bem financiada da Europa (ver aqui e aqui).

A mais recente empresa do setor em Portugal apresenta uma nova solução de mobilidade elétrica com uma visão amiga do espaço público e atenta ao planeamento urbano de cada cidade. A Flash entra neste mercado com normas de segurança acrescidas e a pensar nas principais preocupações e necessidades das cidades portuguesas.

A marca que já em janeiro tinha iniciado um soft launch em Lisboa, depois de também ter obtido autorização da capital portuguesa, escolheu agora a cidade de Faro, onde iniciará a sua atividade com 100 trotinetes elétricas numa primeira fase.

Recorde-se que a Flash já tinha estado presente no dia 11 de fevereiro, em Faro, na cerimónia que assinalou a apresentação do Plano de Mobilidade Partilhada do município. Durante esta apresentação, esteve presente Felix Petersen, Director-Geral da Flash em Portugal que assinou o memorando de entendimento com Faro, na presença do Presidente da Câmara, Rogério Bacalhau.  

“Queremos agradecer à Câmara Municipal de Faro e as todos os responsáveis com funções na área da mobilidade da cidade que acreditaram na diferenciação do nosso projeto de micro-mobilidade. A nossa responsabilidade agora é contribuir para facilitar a mobilidade na cidade porque queremos ser uma das alternativas ao veículo próprio, para os turistas, para os alunos da Universidade de Faro e para a restante população da cidade”, afirmou Felix Petersen.

A Flash irá promover o comportamento cívico e incentivar o correto estacionamento, sendo neste momento a única marca a indicar as zonas corretas de estacionamento de trotinetes, na sua app.

O desbloqueio das trotinetes da Flash terá um valor de 1€ e 0,15€ por minuto e para incentivar o estacionamento correto, a Flash promete ainda dar um desconto de 0,50€ no total das viagens se o utilizador estacionar nas zonas indicadas para o efeito.

Fica ainda a garantia que “nenhuma trotinete será deixara para trás”, ou seja, a Flash já tem ao seu lado uma empresa local que irá ficar responsável por diariamente carregar as trotinetes, verificar a segurança de cada uma delas e voltar a colocá-las no dia seguinte nas zonas de estacionamento desenhadas pela Câmara Municipal de Faro.  

Fonte: WisdomTrotinetasFlash1

Alcoutim vai ter um Fórum Municipal de Juventude. A proposta de regulamento interno foi aprovada na passada quarta feira, 13 de fevereiro, em reunião do executivo.

A Câmara Municipal de Alcoutim entende ser necessário criar um novo espaço comum de diálogo e reflexão que aproxime a autarquia e a juventude do concelho, fomentando a definição e desenvolvimento de novas políticas municipais de juventude, adequadas à realidade e necessidades dos jovens.

É dos jovens o futuro e são as novas gerações dos dias de hoje as construtoras da sociedade que teremos e seremos nos dias de amanhã. É com este pressuposto que o Município de Alcoutim considera fundamental incrementar a participação ativa dos jovens, no processo de construção de uma comunidade que se pretende mais inclusiva, mais solidária e mais feliz.

Para que a política autárquica na área da juventude se revele eficaz é naturalmente essencial conhecer quais os reais anseios e aspirações dos jovens, as suas prioridades e os seus interesses, o que só é possível ouvindo atentamente a sua voz. Se ao invés de traçar uma política da Juventude para os jovens, o município for capaz de construir uma política da Juventude, com os seus jovens.

O Fórum da Juventude é, assim, uma plataforma de auscultação dos jovens, um espaço de discussão, consulta e troca de experiências, assumindo também funções de dinamização e promoção de atividades na área de intervenção da juventude, envolvendo todos os jovens munícipes (formalmente associados ou não), representantes da área da juventude das juntas de freguesia e, instituições, associações e/ou estruturas que trabalham para e com esta camada da população, sem exceções, criando grupos de trabalho e redes de contactos que permitam envolvê-los de forma mais ativa naquilo que são os projetos e as políticas dos jovens do município.

Fonte: GC do Mun AlcoutimCamaraMunAlcoutim

Câmara Municipal de Albufeira e APAL – Associação de Promoção de Albufeira, juntaram sinergias e participaram no Salon de Vacances de Bruxelas, evento que recebe anualmente cerca de 100 mil visitantes. Trata-se de mais uma das ações acordadas entre a autarquia e APAL no sentido de promover o destino junto de mercados com potencial de crescimento. O certame decorreu entre os dias 7 e 10 de fevereiro.

São quatro os pavilhões que acolhem o Salon de Vacances de Bruxelas, evento dedicado ao Turismo que recebe cerca de 100 mil visitantes. Quatro são também os dias do Salão, que se estende por 40 mil metros quadrados e que reúne anualmente mais de 350 expositores e 800 diferentes destinos. É por isso, um dos maiores certames do género realizados nesta zona da Europa onde é possível conhecer uma imensidão de ofertas e realizar negócios associados ao setor.

A APAL e Câmara Municipal de Albufeira uniram esforços e marcaram presença neste certame com um Stand Promocional que permitiu dar a conhecer as potencialidades do concelho. Alojamento, experiências, atividades náuticas, cultura e gastronomia estiveram em destaque no balcão de Albufeira, que cativou a curiosidade e interesse de muitos dos visitantes do Salão. Refira-se que cerca de 70% dos visitantes têm mais de 50 anos de idade, fator considerado de grande importância para definir a linha e conteúdos associados a esta participação.

Ainda no âmbito desta ação foram promovidos diversos contatos institucionais, nomeadamente com o delegado do Turismo de Portugal para a Bélgica e Holanda, João Rodeia, com o objetivo de encontrar novas formas de promoção e valorização de Albufeira nestes mercados.

O mercado belga situa-se no Top 10 nacional em termos de visitantes e dormidas, havendo potencial de crescimento nomeadamente no que diz respeito à época balnear, mas também em outras alturas do ano onde a gastronomia, o tempo ameno, a cultura e o património podem cativar mais visitantes.

Veja aqui algumas imagens do evento. https://www.youtube.com/watch?v=5mKohRoYiS8

Fonte: GRP da CM AlbufeiraAlbufeiraBruxelas1AlbufeiraBruxelas2AlbufeiraBruxelas3AlbufeiraBruxelas5AlbufeiraBruxelas6

No próximo fim de semana vamos à Ópera, ou melhor, a Ópera vem até nós, ao Club Farense, no dia 23 de fevereiro, sábado às 21h30.
É uma honra muito grande ter novamente entre nós o Rui Baeta, a Ana Madalena Moreira e a Raquel Correia. Vão deliciar-nos com conhecidas árias de ópera de Mozart, Verdi, Bellini, Puccini, G. Gershwin, e outros.
- Árias de Ópera com
    - Ana Madalena Moreira - Soprano
    - Rui Baeta - Barítono
    - Raquel Correia - Piano
No domingo, dia 24 de fevereiro, às 18h00, continua o habitual Copo de Jazz/Glass of Jazz, com "Vibes Trio".
- Jazz com Vibes Trio
    - Paulo Santo - Vibrafone
    - Diogo Alexis - Contrabaixo
    - João Rijo - Bateria
Fonte: Club Farense
OperaClubFarenseVibesTrioClubFarense

Este ano, pela primeira vez, a 1ª Feira Primavera de Jardinagem Mediterrânica - Jardim Botânico do Barrocal, vai realizar-se na FISSUL em Silves, em conjunto com a Junta de Freguesia de Silves, sendo o quinto evento, neste género. Participe neste evento no dia 16 de março, sábado das 10h00 às 17h00 e verá variadíssimas sugestões para o seu jardim.

O objectivo deste evento de Primavera é estimular para a compra de plantas certas para o clima do Algarve.

Este ano está focado, no Jardim Botânico do Barrocal, e todos os recursos arrecadados serão destinados a apoiá-lo. Deste modo vamos ter também para venda, árvores, sementes e plantas autoctones.

Os visitantes poderão saber mais, sobre este projecto, internacionalmente reconhecido, da Associação, na Quinta da Figueirinha, e agora têm a oportunidade de verificar, junto dos viveiristas, através da Feira na FISSUL.

O Barrocal é uma das três áreas ecológicas do Algarve e tem uma distinta comunidade de plantas. As zonas do Barrocal possuem uma conhecida biodiversidade, com uma flora bem documentada tendo que esta área tem um potencial enorme de acolher os mais fantásticos jardins naturais.

Um dos objectivos da Associação dos Jardins Mediterrânicos, em Portugal, tem sido encorajar viveiristas locais para alargar o seu leque de plantas disponíveis. Os pequenos viveiristas fazem a sua própria produção de plantas, têm respondido aos pedidos, e têm beneficiado pelo crescimento da procura de plantas resistentes à seca. Plantas que são nativas de Portugal, bem como de outras zonas de clima mediterrânico, sendo as mesmas adequadas aos nossos jardins.

Vão estar presentes viveiristas especializados em plantas perenes resistentes à seca, ervas aromáticas, árvores de fruto e arbustos – uma excelente oportunidade para encontrar uma variedade de plantas diferentes. Haverá também uma variedade de outros expositores, com produtos biológicos, vinhos, óleos essenciais, arte com plantas, e uma demonstração de fogões solares.

Em paralelo com a venda de plantas, haverá palestras (ilustradas e gratuitas), por especialistas, sobre Jardinagem Sustentável e também: Como fazer seu próprio Jardim Resistente à Seca. Haverá ainda um espaço de debate sobre Jardins sem Relva (a ser confirmado).

Mas, o melhor mesmo, será talvez, a oportunidade de estar com uma selecção de viveiristas reunidos todos no mesmo espaço, trazendo o que de melhor têm para mostrar.

Este evento da Primavera terá lugar pela primeira vez, no Salão de Exposições: FISSUL, em Silves, com a organização conjunto da Junta de Freguesia de Silves e da Associação de Plantas e Jardins em Climas Mediterrânicos.

Encontrará livros especializados, sementes de plantas nativas e aconselhamento por parte dos elementos da associação e dos viveiristas locais.

A Feira estará aberta ao público entre as 11h e as 17h, com estacionamento e entrada gratuitos.

Fonte: Paul ReesJardimFISSULSilves3JardimFISSULSilves4JardimFISSULSilves5JardimFISSULSilves1

 

A Guarda Nacional Republicana, hoje, dia 18 de fevereiro, ao longo desta manhã, tem registado diversos acidentes provocados por derrame de combustível na via, supostamente proveniente de um veículo de transporte de combustíveis, pelo que se alertam os condutores que circulam nas seguintes vias:

  • EN 251 – Entre o Vimieiro (Évora) e Coruche (localidade de Montinhos dos Pegos);
  • EN 119 – Ligação de Coruche a Santo Estêvão;
  • EN 118-1 – Ligação de Santo Estêvão em direção a Benavente.

Fonte: GNR-DCRPGNR Div Com Rel Publicas

A Guarda Nacional Republicana, para além da sua atividade operacional diária, levou a efeito um conjunto de operações, em todo o território nacional, entre os dias 8 e 14 de fevereiro, que visaram a prevenção e combate à criminalidade violenta, fiscalização rodoviária, entre outras, registando-se os seguintes dados operacionais:

  1. Detenções: 568 detidos em flagrante delito, destacando-se:
  • 195 por condução sob o efeito do álcool;
  • 98 por condução sem habilitação legal;
  • 39 por tráfico de estupefacientes;
  • 31 por furto;
  • 11 por violência doméstica;
  • 11 por posse de arma proibida;
  • Cinco por ameaça e coação;
  • Cinco por permanência ilegal em território nacional.
  • Dois por ofensas à integridade física.
  1. Apreensões:
  • 2 150 artigos pirotécnicos;
  • 2 505 quilos de bivalves;
  • 1 545 doses de haxixe;
  • 120 doses de MDMA;
  • 73 doses de cocaína;
  • 50 doses de heroína;
  • 298 munições de diversos calibres;
  • 16 armas de fogo;
  • 16 armas brancas;
  • Cinco veículos;
  • 495 quilos de pescado;
  • 144 quilos de meixão;
  • 313 artigos contrafeitos;
  • 1 755 euros em numerário.
  1. Trânsito:

Fiscalização: 11 760 infrações detetadas, destacando-se:

  • 3 615 excessos de velocidade;
  • 618 por falta de inspeção periódica obrigatória;
  • 501 por falta ou incorreta utilização do cinto de segurança e/ou sistema de retenção para crianças;
  • 480 relacionadas com anomalias nos sistemas de iluminação e sinalização;
  • 442 por uso indevido do telemóvel no exercício da condução;
  • 405 por condução com taxa de álcool no sangue superior ao permitido por lei;
  • 403 relacionadas com tacógrafos;
  • 270 por falta de seguro de responsabilidade civil.

Fonte: GNR-DCRPGNR Div Com Rel Publicas

 

A Guarda Nacional Republicana (GNR), no dia 13 de fevereiro, realizou uma operação de trânsito e segurança rodoviária, através da execução de ações de fiscalização e sensibilização, com o objetivo de contribuir para a melhoria das condições de segurança e mobilidade dos peões, incutir comportamentos mais seguros por parte de todos os utentes e prevenir a ocorrência de acidentes de viação por atropelamento.

Durante esta operação que foi direcionada para a fiscalização em estradas nacionais, municipais e arruamentos no interior de localidades, a GNR fiscalizou diversos peões e 3 487 condutores, tendo detetado, em 24 horas, 1200 infrações, das quais se destacam:

  • 431 por excessos de velocidade;
  • 343 por estacionamento indevido nos passeios e em outros locais destinados ao trânsito de peões, obrigando os peões a circular pela via;
  • 104 por estacionamento a menos de 5 m ou em passagem assinalada para travessia de peões;
  • 53 por utilização indevida do telemóvel durante a condução;
  • 23 condutores com excesso de álcool, dos quais 6 foram detidos por possuírem uma taxa de álcool no sangue igual ou superior a 1,2 g/l.
  • 17 por desrespeito à sinalização luminosa (não paragem ao sinal vermelho);
  • 15 devido a pões efetuarem o atravessamento incorreto da faixa de rodagem; 
  •   7 por não moderação da velocidade na aproximação à passagem assinalada para a travessia de peões.

Fonte: GNR-DCRPGNR Div Com Rel Publicas

No âmbito do Dia Internacional da Criança com Cancro, que se assinala hoje, 15 de fevereiro, o Mundo Bita partilhou música, cores, aprendizagem e alegria junto dos miúdos e graúdos que se encontravam no Instituto Português de Oncologia de Lisboa.

Todos os anos, em Portugal, são diagnosticados cerca de 350 novos casos de cancro em crianças. A prevenção e as idas regulares a um especialista são um fator determinante para o diagnóstico precoce – que permite salvar 8 em cada 10 crianças.

Tendo em vista este dia simbólico, o Mundo Bita tomou a iniciativa de partilhar alegria e esperança junto dos mais novos, bem como alertar para a importância do dia em questão.

A ação teve início na instituição Acreditar, em Lisboa, onde se realizou um mini-concerto com as personagens deste fenómeno mundial. Em seguida, a alegria foi transportada até ao Instituto Português de Oncologia de Lisboa, com a visita à ala pediátrica do edifício. As brincadeiras com o Bita e as restantes personagens, não só de miúdos como graúdos, marcaram este dia.

A iniciativa prolongou-se ao londo do dia de ontem, com a passagem do Mundo Bita pela instituição Acreditar de Coimbra, que celebra o seu nono aniversário. Na data em que se assinala a efeméride, a iniciativa chegará também ao Porto, com a animação no Hospital de São João, Associação Acreditar e IPO.

Sobre o Mundo Bita:

Com o intuito de ensinar, divertir e estimular a criatividade e imaginação nas crianças, o Mundo Bita já arrecadou disco de platina e disco de ouro pela Sony Music, tendo sido o segundo DVD infantil mais vendido no Brasil. Tem quase 2 biliões de visualizações em todos os canais de YouTube, 500 mil downloads de Apps e marca presença no canal Discovery Kids desde 2013.

Recentemente lançou o segundo álbum “Bita e as Brincadeira”, cujos vídeos saem semanalmente, na plataforma Youtube.

Fonte: Creative MindsMundoBitaIPO1MundoBitaIPO2MundoBitaIPO3MundoBitaIPO4MundoBitaIPO6

 

O responsável do Grupo Os Mosqueteiros, João Magalhães acaba de entregar o apoio do Grupo às instituições que participaram na campanha “Votos que valem Festas Felizes”. A campanha que decorreu no final de 2018 pediu aos portugueses que desejassem votos de boas festas a quatro instituições: Associação Acreditar, Comunidade Vida e Paz, Liga Portuguesa dos Direitos dos Animais e Refúgio Aboim Ascensão. Os votos são agora transformados em apoio financeiro garantindo um ano melhor às instituições envolvidas.

“Este projecto encheu-nos de orgulho. Orgulho por fazer parte de um Grupo que tem na sua génese fortes valores de solidariedade e que a pratica no seu dia-a-dia. Pedimos aos portugueses para desejarem festas felizes às instituições da sua preferência e transformámos esses desejos em apoio financeiro, de forma a que estas instituições em 2019 possam avançar com os seus projectos. Queremos retribuir à comunidade local e à sociedade em geral tudo aquilo que esta nos traz. Foi este desejo de retribuição que nos levou a criar a iniciativa ‘Votos que valem Festas Felizes’.” refere João Magalhães, administrador do Grupo os Mosqueteiros.

Até dia 1 de janeiro foi possível aos portugueses partilharam votos de festas felizes com quatro instituições de solidariedade social que representam causas distintas: Associação Acreditar, Comunidade Vida e Paz, Liga Portuguesa dos Direitos do Animal e Refúgio Aboim Ascensão, contribuindo assim para que as quatro tivessem um melhor ano de 2019. O Grupo Os Mosqueteiros esteve agora a visitar as instituições e a entregar um total de 120 mil euros para apoiar o trabalho meritório das instituições envolvidas.

Fonte: LIFTMosqueteirosRefugioMosqueteirosLPDAMosqueteirosVidaPaz

 

A nova instituição portuguesa para colectar e gerir dois direitos numa só licença. À semelhança de outras, cumprem rigorosamente todas as directrizes legais para entrar no mercado, e por isso também à semelhança de outras, estão referenciados no site governamental de entidades de gestão colectiva.

A entidade adopta a denominação de ANGAE – Associação Nacional de Gestão de Autores e Executantes, a qual será regida por seus Estatutos, pelo Código Civil, pela Lei n.º 26/2015, de 14 de Abril, pelo Código do Direito de Autor e Direitos Conexos, pelo Decreto-Lei n.º 594/74, de 7 de Novembro, pela Lei 23/2014, de 14 de Fevereiro, pelos Regulamentos Internos da associação, e demais legislação aplicável, com estatutos registados desde 12 de Janeiro 2017 em Cartório Notarial e está registada na Inspeção Geral das Actividades Culturais (IGAC) com número 11/2018 constando da folha cento e cinco do livro de Registo de Mandatários de titulares direitos de autor.

Estão também com marca registada nº606538. Encontra-se patente no sítio da IGAC enquanto entidade de gestão colectiva do direito do autor e de direitos conexos, (www.igac.gov.pt/entidades-colectivas-de-direitos) conforme despacho governamental (http://www.angae.pt/despacho.pdf)

A ANGAE foi criada para gestão colectiva do direito do autor e direitos conexos, licenciando espetáculos de natureza artística e recintos fixos destinados à sua realização, bem como em todas as situações em que a música dos seus representados seja utilizada em território nacional ou em território estrangeiro.

E também sempre que as obras dos autores, artistas, intérpretes, executantes ou produtores, estejam protegidos pelo Código de Direito de Autor e Direitos Conexos.

A ANGAE apresenta-se como a nova entidade de gestão colectiva, inovadora e eficaz, disponibilizando novos meios, para garantir uma rápida e fácil aplicação para todos os potenciais utilizadores.

Com um conceito diferente de colecta e gestão, tornaram todo o processo de licenciamento mais transparente, prático e rápido. Todos os seus potenciais utilizadores poderão em todo e qualquer momento obter informação sobre os recebimentos a seu favor assim como, ver todas as informações relativas a todos os seus processos.

5 Razões pelas quais os artistas, empresários e entidades nacionais e estrangeiras se devem juntar a ANGAE.

1 - Dois Direitos (autor e conexos) numa só licença.

2 - Sistemas online que facilitam empresários e beneficiam os artistas.

  • Preços adequados á realidade actual em Portugal.
  • Transparência em todo processo desde a colecta até á distribuição.
  • Maior clareza e facilidade de inspeção nos recintos fixos de espetáculos por parte das entidades responsáveis.

Fonte: ANGAEAngae

 

No âmbito da estratégia promocional para 2019, a ATA irá participar pela primeira vez na feira Ferie for Alle, que decorrerá de 22 a 24 de fevereiro, em Herning, na Dinamarca.

Tratando-se da maior feira de turismo da Escandinávia direccionada para o público, com mais de 20 anos de existência, o certame contou em 2018, com a visita de cerca de 61 mil pessoas e com a participação de 1.200 expositores.

A participação da ATA neste certame, tem como o objectivo a promoção da região junto deste mercado, sobretudo na área de actuação do aeroporto de Billund.

Para informações adicionais consultar o website da feira: www.danishtravelshow.com

Fonte: ATAFeiraDinamarcaATA

A ATA irá participar pela primeira vez no Amour Forum Europe, um dos principais eventos europeus do segmento Casamentos que terá lugar em Viena, Áustria, de 17 a 20 de fevereiro.

O Amour Forum contará com a presença de cerca de 100 buyers oriundos de todo o mundo, proporcionando à ATA, não só a interação com os diversos agentes deste sector através das reuniões, mas também a oportunidade de participar em diversas atividades coordenadas pela organização.

Para informação suplementar deverão consultar o site oficial: www.amourforums.com/suppliers/2019/europe

Produto: Meeting Industry
Mercado: Multimercados

Fonte: ATAAmourEuropeATA

Sílvia Rodrigues, empresária de Loulé e fundadora da marca Sigues, é a primeira portuguesa a marcar presença numa edição do SIMOF – Salão Internacional de la Moda Flamenca, que este ano irá decorrer de 7 a 10 de fevereiro. Portugal inaugura assim a sua representação neste certame de Sevilha, nesta que é a sua 25ª edição.

  • Designer de Loulé Design Lab estará acompanhada por empresária de Cadiz.
  • I Encontro B2B Juntas Somos Mais realizado em Faro uniu estas 2 empreendedoras.
  • Projeto INTREPIDA visa potenciar a Cooperação Transfronteiriça entre Portugal e Espanha com o apoio do programa Interreg POCTEP

Esta jovem designer portuguesa irá partilhar esta sua experiência no evento juntamente com Marisol Torres, empresária andaluza. Ambas estarão a promover os respetivos trabalhos com o apoio do projeto INTREPIDA - Internacionalização das Mulheres Empresárias de Espanha e Portugal para a Inserção, Desenvolvimento e Alianças – que coordenada a Fundação Tres Culturas Del Mediterráneo, uma iniciativa que visa potenciar a Cooperação Transfronteiriça entre Portugal e Espanha através do programa Interreg POCTEP.

O projeto INTREPIDA tem por principal objetivo impulsionar a competitividade empresarial das PMEs administradas por mulheres no território transfronteiriço da Andaluzia, do Algarve e do Alentejo, promovendo a sua internacionalização através de novos modelos de desenvolvimento e cooperação comercial. Neste âmbito se insere o apoio a estas duas empresárias através do financiamento das suas participações no SIMOF 2019, assegurando os custos com o stand no evento, bem como o alojamento na cidade andaluz e deslocações.

As duas empreendedoras conheceram-se no I Encontro B2B Juntas Somos Mais — uma iniciativa promovida pelo projeto INTREPIDA—, realizado em Faro, no passado mês de novembro. Ambas utilizam a mesma matéria prima, o papel, trabalhando-o de forma diferente, mas com a característica comum de personalizar cada peça aliando estética à qualidade.

O Presidente da Câmara de Loulé, Vítor Aleixo, destaca a importância do projeto INTREPIDA referindo que “nos objetivos que fixamos para o biénio 2019-2020 do apoio ao empreendedorismo em Loulé, a internacionalização dos projetos regionais é um dos eixo fortes que assinalamos para trabalhar, e nessa linha o apoio para uma cooperação transfronteiriça consistente e continuada é fundamental para conseguirmos de forma mais eficaz e eficiente promover a economia e a valorização social. Pelo que considero a participação da criativa Sílvia Rodrigues no projeto INTREPIDA e agora no Salão Internacional de la Moda Flamenca um ótimo augúrio para profícuas e longas colaborações transfronteiriças.”

Silvia Rodrigues iniciou-se há mais de 10 anos na criação de joias em papel de jornal e criou a sua própria marca, a Sigues. Foi a primeira designer nesta área na Europa e uma das primeiras no mundo, tendo sido distinguida por vários prémios a nível nacional e internacional. Atualmente, desenvolve a sua atividade na comunidade criativa, Loulé Design Lab, um projeto da Câmara Municipal de Loulé.  

Para Sílvia Rodrigues, o projeto INTREPIDA ‘representa um apoio fundamental para o desenvolvimento da minha marca, fornecendo as ferramentas fundamentais para a internacionalização da Sigues para Espanha. Tanto no evento em Sevilha, como no evento em Faro pude receber formação em Internacionalização, pude fazer networking com outras empresárias e assim estabelecer algumas parcerias importantes para o crescimento e expansão da Sigues.’

Por seu lado, Marisol Torres fundou a sua própria empresa em 2016, desenvolvendo um projeto pessoal e inovador. Assim nasceu a marca Mariblu que se dedica à criação de peças artesanais para decoração floral e bijutaria em papel, que produz no espaço de co-working artístico de Cádiz: Piedra, Papel, Tijera. O seu trabalho centra-se essencialmente na elaboração de ramos de noivas, tendo recentemente começado a criar pequenas coleções para o universo flamenco.

Financiado pelo Programa INTERREG POCTEP Espanha e Portugal, aprovado pela União Europeia para o Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional, o projeto INTREPIDA desenvolve outras atividades como o encontro empresarial B2B Juntas Somos Mais Fóruns de Trabalho, Capacitação em Internacionalização e TIC para as empresárias, Visitas a Empresas e Sensibilização Pedagógica em empreendedorismo nas escolas.

A Fundação Tres Culturas Del Mediterráneo, para o projeto INTREPIDA, conta também com a colaboração da Fundación Universidad Empresa de la Província de Cádiz (FUECA) e Diputación de Huelva. Em Portugal, tem uma parceria com as associações NERE e NERPOR, no Alentejo, e está em conversações com a associação REGIOTIC no Algarve para que esta entidade integre o grupo de sócios oficiais do projeto.

Sobre a Fundação “Tres Culturas Del Mediterráneo”

Fundación Tres Culturas Del Mediterráneo, com sede em Sevilha, Espanha, é uma instituição internacional sem fins lucrativos que atua desde 1998 a nível Euro-Mediterrâneo, através de diferentes linhas de ação e de múltiplas iniciativas. A Fundação pretende criar uma maior proximidade e respeito entre cidadãos e instituições apostando na diversidade como um princípio basilar. As suas iniciativas contribuem para um maior enriquecimento socioeconómico através da promoção de projetos relacionados com cultura, geopolítica, empreendedorismo, edução e participação ativa dos cidadãos.

Fonte: MCSilviaRodrigues1SilviaRodrigues2

Interpida

 

Após a azáfama da vinificação e das vendas especiais de dezembro, o ano novo da promoção vínica começa a partir de fevereiro com o arranque do calendário dos certames especializados no setor dos vinhos e bebidas, com a Região Vitivinícola a definir a sua presença, desde já, em dois emblemáticos eventos.

Começa da melhor maneira o calendário de eventos vínicos para a Região Vitivinícola do Algarve, garantindo a CVA – Comissão Vitivinícola do Algarve – a participação em dois importantes certames. O primeiro ocorre já a partir de 22 de fevereiro até a 25, no Palácio da Bolsa, no Porto. Trata-se da Essência do Vinho, a primeira Feira de destaque a nível nacional a realizar-se em 2019 e que este ano cumpre o seu 15º aniversário.

Para já são três os produtores presentes no evento no Porto – Marchalégua, Morgado do Quintão e a Adega Cooperativa Única – estando ainda abertas inscrições para produtores que queiram representar e região e divulgar os seus vinhos, num evento de grande destaque para o mercado nacional e sobretudo na região Norte.

A organização estima a presença de 400 produtores e mais de 3 mil referências de vinho em prova, tendo este ano desenvolvido uma APP do evento que irá funcionar como loja online e permitir que os visitantes possam comprar os vinhos, disponibilizados pelos produtores presentes, logo no momento da prova, com a entrega a ocorrer de forma cómoda em casa. Uma novidade que poderá ser um modelo a seguir noutros eventos similares.

Outro dos eventos vínicos marcantes onde os Vinhos do Algarve estarão presentes, desta feita a nível internacional, é a PROWEIN, que celebra em 2019 uma data emblemática – o 25º aniversário. Durante 3 dias, de 17 a 19 de março, a cidade alemã de Düsseldorf é literalmente o palco dos principais produtores e respetivas marcas mundiais, tanto no setor vínico como no das bebidas alcoólicas.

Dada a importância deste certame a nível internacional, associado ao pesa da Alemanha no setor vínico nacional – é o 4º país no ranking das exportações e o 3º da EU, sendo o que mais cresceu em 2017 (8%) na EU face a 2016 – levou a que a CVA lançasse o desafio aos produtores da região, patrocinando um stand na PROWEIN 2019 de forma a que os Vinhos do Algarve tivessem presença, pela primeira vez, neste evento de referência para o setor vínico internacional. Foram quatro os produtores que responderam afirmativamente e que irão estar a representar a Região Vitivinícola do Algarve com os seus vinhos, nomeadamente: Cabrita Wines, Casa Santos Lima, Quinta da Penina e Quinta dos Vales.

Em 2018 a PROWEIN registou a presença de 6.738 exibidores oriundos de 67 países e cerca de 60.000 visitantes profissionais, números recordes que são esperados para a edição de 2019.

Fonte: CVAVinhosAlgarve1VinhosAlgarve2VinhosAlgarve4VinhosAlgarve5

 

A Associação Turismo do Algarve participa pela primeira vez na feira BIT, “ Borza Internazionale de Turismo", que se realiza em Milão, Itália, de 10 a 12 de fevereiro.

O Algarve estará representado num stand próprio, decorado com imagens apelativas do destino, em conjunto com seis das suas empresas associadas.

A BIT é considerada a maior feira do sector turístico de Itália e uma das maiores da Europa, realizada desde o início dos anos 80.

Para mais informações consultar o website oficial da feira: https://bit.fieramilano.it/ 

Produto: Sol e Mar
Mercado: Itália

Fonte: ATAATA

A ATA irá participar na edição de 2019 da Confec, um dos principais eventos do segmento MI, que este ano passou a ter como público-alvo o mercado Europeu e que terá lugar no JW Marriott, em Cannes, França, de 07 a 10 de fevereiro.

O evento contará com a presença de cerca de 40 buyers oriundos de toda a europa, proporcionando à ATA, não só a interação com os diversos agentes deste sector através das reuniões, mas também a oportunidade de participar em diversas atividades coordenadas pela organização.

Para informação suplementar deverão consultar o site oficial: www.confec.com

Produto: Meeting Industry
Mercado: Europeu

Fonte: ATAATA

Este fim de semana, realizou-se o Campeonato Nacional Inverno de Natação Adaptada, nas piscinas municipais da Guarda, com a presença de um total de 132 nadadores (97 masculinos e 35 femininos), de um total de trinta e três clubes nacionais. Da Analgarve, participaram três clubes (O2 Portimão, Natação Faro e FC Ferreiras), com um total de 8 nadadores (7 masculinos e 1 feminino).

Os nossos nadadores alcançaram um total de 25 medalhas (21 ouro, 3 prata e 1 bronze). Em destaque esteve o nadador Filipe Santos (O2 Portimão), com o recorde do Mundo, Europeu e Nacional Classe SM21 - SDown, obtido na prova dos 25 mariposa.

Ainda obtiveram títulos nacionais, os nadadores Levi Nascimento, Alexandre Silva, João Pedro Antunes, assim como a estafeta 4x100m estilos.

Do Natação Faro, o destaque vai para o nadador, José Vieira, com o recorde Nacional na prova dos 25m bruços. Ainda obtive títulos nacionais, a nadadora, Ana Beatriz Correia.

Do FC Ferreiras, o nadador Samuel Inglês também alcançou um título nacional.

Fonte: ANALGARVEFilipeSantosNatacao

A 45.ª Volta ao Algarve em Bicicleta, que vai decorrer entre os dias 20 e 24 de fevereiro de 2019, irá contar com a presença de 24 equipas, algumas delas de topo mundial.

A partida da 1.ª Etapa está agendada para o dia 20 de fevereiro, às 12h00 na Zona Ribeirinha de Portimão, junto ao Clube Naval, e é destinada aos sprinters, que vão percorrer 199,1 quilómetros, que ligam Portimão -Cidade Europeia do Desporto a Lagos. A segunda etapa será o primeiro teste à condição dos candidatos ao triunfo final, uma viagem de 187,4 quilómetros entre Almodôvar e o alto da Fóia, em Monchique.

Ao terceiro dia chega o contrarrelógio individual de 20,3 quilómetros, com partida e chegada em Lagoa. A quarta etapa vai, novamente, dar uma oportunidade aos velocistas, ao cabo dos 198,3 quilómetros que ligam Albufeira a Tavira. A Volta ao Algarve termina com uma ligação de 173,5 quilómetros, entre Faro e o alto do Malhão, Loulé, que se adivinha decisiva, tendo em conta a dificuldade da subida coincidente com a meta.

No dia da partida, 20 de fevereiro, entre as 12h00 e as 12h30, a zona do percurso assinalada no mapa https://ridewithgps.com/users/1321751/routes, estará condicionada ao trânsito, que contará com o apoio da Policia de Segurança Pública no local de forma a minimizar os impactos.

Fonte: Mun de PortimãoVoltaAlgarvePortimao

A 20ª edição do Torneio de Voleibol “Memorial Carlos João” vai arrancar no próximo dia 11 de março, estando aberto a todo o tipo de equipas, amadoras e profissionais, masculinas e femininas.

Os jogos serão realizados na Escola EB 2,3 Joaquim Magalhães, em horário pós-laboral e as finais no Pavilhão Municipal da Penha em Faro.

A prova, que é uma homenagem póstuma ao professor de Educação Física, Carlos João Dias, é organizada pelo Município de Faro, em parceria com a Associação Académica da Universidade do Algarve, através das suas divisões de Desporto.

A iniciativa, que decorre até dia 25 de maio, pretende promover o convívio entre os participantes, bem como sensibilizar e desenvolver o gosto pela prática da modalidade.

As inscrições para a competição encerram dia 06 de março e o sorteio realiza-se dia 08 de março.

Para mais informações e inscrições: Divisão de Desporto e Juventude da Câmara Municipal de Faro (289 870 843; Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.) / Associação Académica da UALG (289 888 444 ou Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.).

Fonte: GRP da CM FaroTorneioVoleibolFaro

Este ano, a Volta ao Algarve acolhe uma iniciativa inédita que decorrerá nas estradas e avenidas do concelho de Albufeira. Trata-se do Passeio Feminino da Volta ao Algarve, uma iniciativa exclusivamente para mulheres, com as previsões a apontarem para mais de uma centena de participantes. No dia 23 de fevereiro, pelas 9h30, um pelotão de atletas do sexo feminino, de todas as idades, irá percorrer a freguesia de Albufeira e Olhos de Água. O passeio irá contar com a participação de Rosa Mota, entre outras figuras públicas ligadas ao desporto. As inscrições são gratuitas e estão abertas no site da Federação Portuguesa de Ciclismo.

A 45.ª edição da Volta ao Algarve conta com um Passeio de Bicicleta exclusivamente para mulheres. Esta iniciativa designa-se “Volta ao Algarve Feminina” e terá lugar em Albufeira, às 9h30 do dia 23 de fevereiro, no mesmo local onde, horas depois, irá iniciar-se a quarta etapa da corrida profissional.

O passeio, num total de 14 quilómetros, parte da Avenida dos Descobrimentos em direção à Branqueira, passa pelo Vale da Azinheira, Olhos de Água, segue pela Estrada de Albufeira para Santa Eulália, em direção ao Inatel pela Rua José Fontana, com paragem no Pau da Bandeira para fotos de grupo e regresso à zona da meta pelo Bairro dos Pescadores e Rua das Telecomunicações, contornando o edifício da Câmara e o Tribunal.

A prova, de dificuldade baixa (acessível a todos os níveis de condição física), é gratuita e reservada exclusivamente a mulheres. As inscrições são gratuitas, mas obrigatórias e podem ser efetuadas através do link: https://fpciclismo.pt/registo_prova.php

A equipa feminina 5Quinas/Município de Albufeira/CDASJ fica responsável por marcar o andamento do passeio, que irá contar com a presença de algumas figuras públicas, entre as quais a atleta olímpica Rosa Mota.

O evento vai ser transmitido pela TVI e partilhado pelo site e redes sociais da Volta ao Algarve, Federação Portuguesa de Ciclismo e seus parceiros.

A Volta ao Algarve Feminina visa atrair ao ciclismo e à Volta ao Algarve o público feminino, juntando num pelotão de convívio praticantes de ciclismo feminino experientes com mulheres que estão a dar as primeiras pedaladas.

Fonte: GRP da CM AlbufeiraVoltaAlgarve4

Os ciclistas da “Deceuninck-Quick Step”, considerada a melhor equipa do mundo em 2018, elegeram as estradas do concelho de Lagoa para um estágio que decorreu entre 27 de janeiro e 7 de fevereiro 2019.

Entre os corredores que fazem parte do bloco desta equipa a competir nas grandes clássicas, integram-se também os sete homens que marcarão presença na Volta ao Algarve, e destacam-se o belga Philippe Gilbert, que já foi campeão mundial de fundo, e o jovem espanhol Enric Mas, segundo classificado na Vuelta a Espanha de 2018.

O Município de Lagoa congratula-se com a escolha desta prestigiada equipa e aguarda, agora com redobrado interesse, a sua participação na Volta ao Algarve em Bicicleta que decorre de 20 a 24 de fevereiro e centra a sua 3ª etapa em Lagoa no dia 22.

O clima temperado e a diversidade de estradas e percursos da região são alguns dos motivos aliciantes que atraem equipas internacionais para esta região em estágios de início de temporada.

Fonte: GC do Mun Lagoa(Algarve)CiclismoEstagio1

No dia 9 de Fevereiro, a Academia de Judo de Faro (AJF), inaugurou a época desportiva 2019, com a participação no Campeonato de Apuramento para a Seleção Nacional de Cadetes que se realizou no Centro de Congressos do Rio Arade, em Portimão.

Tendo-se apurado todos os cadetes do clube, 4 atletas femininas e 2 masculinos, as expetativas eram elevadas face aos feitos do ano transacto. O grupo de competidores da AJF, foi na sua maioria, composto por atletas primeiro ano do escalão, o que à partida seria um motivo de desvantagem, uma vez que o escalão de cadetes reúne atletas nascidos entre 2004 e 2002. Contudo, foi uma agradável surpresa assistir à sucessão de vitórias culminado na subida ao pódio de 4 atletas deste clube.

Seria injusto distinguir qualquer atleta pela sua performance, porque estiveram todos soberbos. A evolução que apresentaram foi enorme, a entrega e a atitude apresentada foi irrepreensível. Mas, no final, Maria Sena (-52Kg) e Filipa Teixeira (-78Kg) sagraram-se VICE-CAMPEÃS NACIONAIS, enquanto que Lara Pires (-48Kg) e João Reis (-42Kg) conquistaram AS MEDALHAS DE BRONZE. Aurelio Digor alcançou o 7.º lugar.

Foi com grande contentamento que o clube recebeu ainda, a notícia de que as atletas Lara Pires, Maria Sena e Filipa Teixeira, representarão a Seleção Nacional já no próximo fim de semana, na Taça da Europa de Espanha em Fuengirola!

A AJF é um clube com pouco mais de um ano de existência, contudo tal não espelha a grandiosidade dos feitos já alcançados. Ao longo do ano 2018, fruto de um trabalho sério, encarado com o maior profissionalismo, o clube marcou o seu mérito no âmbito do Judo no Concelho e mesmo a nível nacional, pela conquista de 10 MEDALHAS em Campeonatos Nacionais, das quais, 5 títulos de CAMPEÃO NACIONAL, 1 título de VICE-CAMPEÃO NACIONAL e 4 MEDALHAS DE BRONZE:

  • Cátia Rosa - CAMPEÃ NACIONAL DE CADETES E JUNIORES (+78Kg)
  • Filipa Teixeira – CAMPEÃO NACIONAL DE JUVENIS (-78Kg)
  • Tomás Góis - CAMPEÃO NACIONAL DE CADETES (-66Kg)
  • Tiago Lopes – CAMPEÃO NACIONAL DE VETERANOS M2 (-81Kg)
  • Aurélio Digor – VICE-CAMPEÃO NACIONAL DE JUVENIS (-50Kg)
  • Maria Sena – MEDALHA DE BRONZE NO CAMPEONATO NACIONAL DE CADETES (-52Kg)
  • Mafalda Matos – MEDALHA DE BRONZE NO CAMPEONATO NACIONAL DE SUB23 (-57Kg)
  • Marcela Araújo – MEDALHA DE BRONZE NO CAMPEONATO NACIONAL DE JUVENIS (-63Kg)
  • Equipa Juvenis Femininos – MEDALHA DE BRONZE NO CAMPEONATO NACIONAL DE JUVENIS (Equipa: Marcela Araújo, Lara Pires e Maria Marrachinho)

A AJF orgulha-se do trabalho desenvolvido, e crê convictamente que estas medalhas são apenas as primeiras de uma época que se espera promissora, tanto a nível nacional como a nível internacional.

A direção agradece o empenho dos atletas, a dedicação da equipa técnica que já contabiliza 4 treinadores, psicóloga e nutricionista, o apoio dos pais e amigos, congratulando-se com toda a confiança demonstrada pelas várias entidades, nomeadamente Câmara Municipal de Faro, União das Freguesias de Faro, IPDJ – Faro, e, pelos patrocinadores Farmácia Helena e Ginásio PUMP – Faro.

Fonte: AJFAcademiaJudoFaro

                         Maria Sena (2ª Class)                      Filipa Teixeira (2ª Class)                 Lara Pires (3ª Class)                        João Reis (3º Class)

 

 

Parceiros

Mais Kizomba
UF Faro
Gente Gira Algarve
LOGOTIPO_Small
Faro 1540
Pens USB