Castro Marim | Água foi tema do Dia do Município

0
331

No dia 24 de Junho, Castro Marim celebrou o seu feriado municipal, este ano com enfoque na gestão de recursos hídricos, que tanto tem pautado a agenda do Município de Castro Marim. À noite, o palco do Revelim de St. António recebeu “Voz e Violão”, de António Zambujo, num concerto que lotou o anfiteatro e contou com especial abertura dos músicos Eduardo Marçal e André Ramos.  

A sessão solene do Dia do Município contou com a especial participação da Agência Portuguesa do Ambiente, com uma abordagem genérica sobre a gestão de recursos hídricos. Foi também apresentado um vídeo, promovido pelas Águas do Algarve, sobre utilização de água para reutilização (ApR), e uma evidência da obra em curso que irá permitir que os campos de golfe Quinta do Vale e Castro Marim Golf se consigam regar através da água tratada da ETAR de VRSA.

Com esta permanente preocupação, o Município de Castro Marim, que desenvolve também um trabalho na área da educação, apresentou o seu mais recém projeto de sensibilização – o livro infantojuvenil “Vamos Salvar o Dragão”. Inspirado na Barragem de Odeleite, conhecida como ‘Dragão Azul’, escrito e ilustrado por jovens designers castromarinenses, este livro fala-nos sobre a transversalidade da água nos setores da agricultura, consumo humano e atividades económicas.

A sessão solene ficou também marcada pelas distinções dos melhores alunos, a quem o município atribuiu uma viagem, e dos alunos de Quadro de Valor e Excelência, aos quais se atribuíram vales de 150 euros para matéria escolar e/ou informático. No mesmo âmbito de empenho, compromisso, esforço e dedicação, foram homenageados, pela muita competência e humildade com que têm servido Castro Marim, o treinador de futsal, coordenador desportivo e dirigente do União Desportiva Castromarinense, Luís Vicente, e o médico veterinário Mário Fernandes da Silva. Foi ainda distinguida a Associação Cegonha Branca, na pessoa do seu dirigente Amadeu Chaves, pelo trabalho desenvolvido no Centro Infantil de Altura e Lar e Centro de Dia de Altura.

A sessão foi encerrada pelo discurso do presidente da Câmara Municipal de Castro Marim, Francisco Amaral, com palavras centradas no futuro e no desenvolvimento do território castromarinense, agradecendo particularmente aos homenageados.

A noite de 23 de Junho foi, como habitualmente, do Grande Arraial de S. João, que decorreu na Praça 1º de Maio, em Castro Marim. Animado pela sardinhada e pela música popular, este Arraial encerrou também o XXI Concurso de Mastros, que todos os anos anima os Santos Populares no concelho, fruto do muito trabalho e entrega de clubes e associações locais, que primam por fazer desta uma tradição ainda com bastante vida e expressividade no território. Este ano, O empenho colocado neste regresso, tornou a decisão do júri mais difícil e o pódio deste ano foi partilhado por mais associações, a saber: 1º – Casa do Povo do Azinhal; 2º – Associação Recreativa, Cultural e Desportiva dos Amigos da Alta Mora e Clube da Junqueira; 3º – Associação Cultural Amendoeiras em Flor e Associação Social da Freguesia de Odeleite.

CM Castro Marim