Imovirtual | Procura de Casas para Férias em Portugal cresce 13% face a 2022

0
429
Imovirtual-Logotipo

O Imovirtual, portal imobiliário de referência, analisou a evolução da procura de casas de férias, em Portugal, no próprio portal e no OLX, tendo por base os dados disponíveis nas plataformas. Desta forma, foi possível verificar que houve 374.968 visualizações de anúncios de casas de férias nos últimos 30 dias, refletindo um aumento de 13% face ao mesmo período de 2022.

Relativamente às zonas mais procuradas, a região do Algarve lidera as pesquisas, tendo o termo registado 47.727 visualizações, apresentando assim um crescimento de 19% em relação ao período homólogo. Por sua vez, em segundo lugar nas pesquisas, destaca-se o
termo Faro com 20.756 visualizações, e um crescimento de 39% face a julho do ano passado.

Armação de Pêra e Portimão são alguns termos que também geram interesse entre quem procura uma casa de férias.

No que diz respeito à oferta, no distrito de Faro, o preço médio para arrendar uma casa de férias fixa-se atualmente, em 997,89€, uma ligeira descida face a julho de 2022, que custava 1.084,51€. Analisando as regiões mais procuradas, Armação de Pêra registou uma subida face ao ano anterior, no qual custava, em média, 982,31€, em julho de 2022 e, este ano, custa, em média, 1.017,86€. Arrendar uma casa de férias em Portimão também ficou mais caro face ao mesmo período no ano passado, passando de 708,30€ para 1.420,81€ em julho de 2023.

De acordo com Sylvia Bozzo, Marketing Manager Real Estate – Imovirtual & OLX Portugal, “Temos verificado que, comparativamente com o ano passado, a procura por casas de férias no período do Verão tem aumentado por todo o país. Como é habitual, o Algarve apresenta-se em destaque, mas há também destinos menos óbvios e com valores de oferta competitivos que despertam, cada vez mais, o interesse de quem passa férias em Portugal e que começam a fazer parte dos principais roteiros de férias.”

Exemplo esse, é São Martinho do Porto, que aparece em quarto lugar nas pesquisas, com 9.636 visualizações representando um aumento de 95% face a julho de 2022. Muita da sua popularidade é devido à sua praia que é considerada uma das mais bonitas do país, o seu
formato em concha é único em Portugal e na Europa, assim como é lá que está localizada a maior duna do País – Duna de Salir. No concelho de Alcobaça, o preço médio de arrendamento de uma casa custa 404,32€, uma ligeira subida face ao Verão passado que custava 393,04€.
Para além da procura ter tido um crescimento visível, verificámos, igualmente, uma subida, em termos de oferta, neste concelho, uma vez que houve um aumento de 69% dos anúncios comparativamente com julho de 2022.

Gerês e Setúbal encontram-se, também, nos destaques das pesquisas de casas para férias em Portugal. Com 3567 visualizações, o termo Gerês regista um aumento de 21% face a julho de 2022, ao passo que Setúbal, com 4609 visualizações regista um crescimento de 27% em
relação ao período homólogo.

Relativamente à oferta nestas áreas, no concelho do Gerês – Terras de Bouro, arrendar uma casa para férias custa, em média, 1138,25€. Já em Setúbal, custa 610,00€.