Selectra | Dicas para Poupar Energia Durante os Meses mais Frios

0
808
Selectra-Logotipo

Não deixe que as baixas temperaturas afetem o seu orçamento.

Segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), Portugal será atingido por uma massa de ar frio já nos próximos dias, o que significa que teremos de nos despedir das temperaturas amenas que nos têm acompanhado e começar a ver de estratégias para lidar com a chegada do frio que se avizinha.

Nada disto é obviamente motivo para alarme, já que as baixas temperaturas são mais do que típicas para esta altura, não fossem janeiro e fevereiro os meses mais frios do ano. Ainda assim, estes dias severos podem ter um grande impacto nas faturas de energia dos consumidores, e sendo esta uma das preocupações da Selectra- especialista em luz e gás-, a empresa fez questão de partilhar algumas dicas que o ajudam a fazer um uso mais consciente de energia e a poupar assim bastante dinheiro ao final do mês.

1. Verifique o estado dos aquecedores

Independentemente de ter um radiador a gás ou elétrico, é essencial garantir que estes funcionam a 100% para evitar surpresas nas suas faturas de energia. Assim, se tiver um radiador a água, não se esqueça de purgá-lo de quando aquando, e, como regra geral, limpe o pó acumulado, evite colocar roupa por cima deles ou tapar as saídas de ar.

2. Mantenha a sua casa a uma temperatura adequada

Tendo em conta, que Portugal é considerado o 4.º pior país da União Europeia a nível de isolamento térmico e que 20% dos portugueses admitem não conseguir aquecer as suas casas, a ideia de ligar o radiador na potência máxima é muitas das vezes tentadora para os consumidores que procuram várias formas de fazer frente ao frio que se faz sentir dentro das habitações.

Ainda assim, é importante ter em conta que qualquer temperatura escolhida acima dos 20 °C pode encarecer a fatura de energia em cerca de 7%, por isso o melhor é mesmo guardar esta opção para quando for mesmo necessário.

3. Tenha atenção às fugas de ar

De que vale gastar dinheiro a aquecer a casa se o calor acaba por desvanecer segundos depois? Isto é, para se manter uma temperatura constante dentro de casa é necessário que não existam fugas de ar, pelo que deve investir em fontes de isolamento eficazes como os vidros duplos, por exemplo, ou caso não tenha ainda oportunidade, experimente colocar adesivos em portas e janelas para reduzir a entrada de ar.

4. Diminua a temperatura da água do esquentador

É certo que um banho quente num dia de inverno é um dos pontos mais relaxantes do dia, mas isso não significa que a água tenha de escaldar, até porque não é opção mais benéfica para a sua pele. Por isso, reveja qual a temperatura que tem programada no esquentador e, se esta se encontrar a 40 °C, experimente reduzi-la um pouco e veja como se sente.

5. Otimize o uso do forno

Há poucas coisas que saibam tão bem do que um assado num dia de muito frio, no entanto, é de ressaltar que o forno é um dos eletrodomésticos que consome mais energia, consumindo cerca de 2 kWh por hora de confeção.

Ainda assim, se quiser mesmo deliciar-se com uma refeição caseira durante estes dias, existem pequenos truques que contribuem para um consumo de energia mais eficiente, tais como:

  1. Cozinhar vários pratos simultaneamente, de modo a não perder o calor residual gerado;
  2. Desligar o forno 20 mins antes o prato estar totalmente finalizado;
  3. Não abrir o forno enquanto a comida é preparada, já que se perde cerca de 20% do calor.

6. Reveja o seu contrato de energia

Por fim, reveja as cláusulas do seu contrato de eletricidade e gás, informe-se acerca dos preços atuais do mercado e reflita se a sua comercializadora atual é realmente a que oferece as melhores condições tendo em conta o seu perfil de consumo.

“É melhor deixar o aquecimento ligado do que andar a ligar e a desligar a toda a hora”

Decerto que já ouviu este conselho por aí, mas até que ponto é que isto é verdade?

Ora bem, se por acaso trabalha fora de casa todo o dia e apenas usufrui do espaço à noite, não há dúvida que o melhor é manter os aquecedores desligados enquanto está ausente. Mas se, por outro lado, apenas se for ausentar de casa por 30 minutos, não há problema em mantê-los ligados durante esse período.

Ainda assim, a melhor estratégia para fazer um uso consciente de energia, é instalando termóstatos em casa, uma vez que pode programá-los à distância e definir as horas em que estes se devem manter ligados ou não, evitando deste modo o desperdício de energia.

Selectra

Selectra-Logotipo