XVI Semana Cultural de Alte

0
255
Alte_2
A aldeia de Alte volta a ser o cenário de mais uma semana repleta de actividades culturais, no período que medeia entre o 25 de Abril e o 1 de Maio.

Mas este ano, a organização da XVI Semana Cultural de Alte alargou o programa até ao final do mês de Maio, com várias propostas que serão, de certo, mais um motivo de interesse para quem visita esta aldeia do interior algarvio.

As actividades arrancam logo no dia 24 de Abril, pelas 10h00, no Pólo Museológico Cândido Guerreiro e Condes de Alte, com uma Batida Fotográfica que terá como tema “Marcas da Arquitectura Tradicional”. Segue-se, às 11h00, a inauguração da exposição “Alte Aqui”, com fotografias antigas de Alte que irão dar vida às ruas da aldeia por estes dias. Às 12h00, na Fonte Pequena, arranca a Mostra de Artesanato e Festa Gastronómica que irá trazer os sabores genuínos da serra algarvia.

No feriado da Revolução dos Cravos, a manhã começa com o Passeio/Maratona de BBT, junto à Fonte Pequena, pelas 10h00. Segue-se a Mostra de Artesanato e Festa Gastronómica.

Dia 26 de Abril, está prevista a inauguração de duas exposições de escultura, pintura e fotografia, uma no Pólo Museológico (11h00) e outra na Horta das Artes (12h00). Para as 21h30 está prevista uma conferência temática.

Dia 27 há animação infantil à tarde, na Casa do Povo, e à noite, um espectáculo musical na Igreja Matriz. O destaque de dia 28 é a Noite de Fado com o espectáculo “Amália Sempre”, pelas 21h30, na Casa do Povo. Dia 29, há um Sarau de Quadras Populares e, à noite, é apresentada a revista à portuguesa “Fujem Moços que vem a Gripe, do Grupo Boa Esperança.

Para assinalar o 1º aniversário do Pólo Museológico Cândido Guerreiro e Condes de Alte, a 30 de Abril, este espaço vai ser palco de actividades para crianças, apresentação de um livro de poemas de Cândido Guerreiro e de um espectáculo musical.

Para o dia 1 de Maio está previsto o momento alto do evento: a Cerimónia Tradicional de Casamento com Boda e o Festival de Folclore. Esta Boda que pretende recriar toda cerimónia dos antigos casamentos na serra algarvia começa às 11h00 e não irão faltar os petiscos como os caracóis, carapaus alimados, peixinhos da horta, jantar de feijão, papas com ervilhas, pão caseiro e bolos tradicionais.
Alte_2
Após o desfile do casamento, às 16h00, é a altura da saudação aos noivos na Fonte Grande, seguindo-se o “Baile”. Este momento coincide com a realização do Festival de Folclore, que conta com a actuação dos seguintes grupos: Grupo Folclórico da Casa do Povo de Alte, Grupo Regional Folclórico e Agrícola de Pevidém – Guimarães, Rancho Folclórico de Vale de Figueira – Santarém, Rancho Folclórico Fazendeiros de Montemor-o-Novo – Évora, Rancho Folclórico de Olival – Vila Nova de Gaia.

O programa deste evento prolonga-se pelo mês de Maio. Logo no dia 7, às 14h30, no Pólo Museológico, há uma sessão de poesia para crianças do jardim-de-infância, com Andreia Macedo. No dia 8, às 18h00, junto à Capela de S. Luís, está prevista a performance teatral “A Gaveta da Pedra”, por Rui Cabrita, e às 19h00, projecção de vídeo. O grupo In Tento Trio dá um concerto no Pólo Museológico, pelas 22h00.

Dia 16 de Maio as atenções viram-se para as actividades desportivas, com um passeio equestre, logo às 9h00. Às 15h00 haverá um Derby de Atrelagem, prova a contar para o apuramento do Campeonato Nacional.

O programa encerra a 29 de Maio, no Pólo Museológico, com a apresentação oral de “Alte, geografia do olhar” (21h00), o lançamento do livro “Dos Cravos nascem Rosas” (22h00) e concerto com o grupo Esfinge (22h30).

Durante este período, quem for até Alte poderá aproveitar para conhecer também a aldeia e os seus espaços culturais emblemáticos como a Horta das Artes, a Casa Memória d’Alte (exposição patente ao público sobre o esparto) e a Cerâmica de Alte.


Fonte: CML

 

{sharethis}

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui